RAM tem campanha de Portugal para Nova Iorque a partir de 450 euros (ida e volta)

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A Royal Air Maroc aumenta a oferta de voos entre Lisboa e Casablanca, a partir de 1 de novembro deste ano e até ao final de março de 2018, passando a ter dez voos semanais, mais três voos que a oferta de inverno de 2016. A rota Porto-Casablanca, retomada em junho deste ano, contará também no próximo inverno com três voos semanais. Um total de 13 voos semanais entre Portugal e Marrocos, como já tinha referido o ‘Newsavia’ (LINK notícia relacionada). As tarifas Lisboa-Casablanca e Porto-Casablanca começam nos 185 euros, para viagens de ida e volta, com taxas incluídas, refere um comunicado da companhia.

O reforço de inverno da Royal Air Maroc visa proporcionar um melhor serviço e maior disponibilidade de lugares aos clientes deste destino com cada vez maior procura, quer como destino final, quer como ponto de acesso, através do hub do Aeroporto Internacional Mohammed V, em Casablanca, a uma rede internacional de mais de 90 destinos em todo o mundo, desde a América do Sul ao Médio Oriente. A oferta renovada permite ainda o acesso facilitado aos 15 destinos domésticos marroquinos como Marraquexe, Fez ou Tânger.

Na oferta internacional, a Royal Air Maroc destaca a campanha promocional de voos para Nova Iorque a partir de 450 euros ida e volta, com taxas incluídas. Os voos com partida de Lisboa ou do Porto e com escala em Casablanca devem ser adquiridos até 28 de outubro de 2017 e efetuados até 31 de março de 2018.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

American encomenda 260 aviões à Airbus, Boeing e Embraer com mais 193 opções de compra

A American Airlines anunciou nesta segunda-feira, dia 4 de...

Portway e SINTAC assinam acordo de empresa

A Portway Handling de Portugal assinou com o SINTAC...

Portugueses viajam mais e escolhem a Madeira e Cabo Verde para as férias da Páscoa

Os portugueses estão a comprar mais viagens neste início...

JetBlue desiste da compra da Spirit, um projeto que não tinha o acordo das autoridades reguladoras

A companhia aérea norte-americana JetBlue, que foi fundada pelo...