Segurança reforçada nos principais aeroportos indianos

As autoridades indianas reforçaram a segurança no Aeroporto Internacional de Bombaim, a cidade mais populosas da Índia, capital do Estado de Maharashtra, onde vivem cerca de 20 milhões de habitantes, cedos quais quase metade em zonas não urbanizadas.

A situação de alerta máximo que vigora desde a manhã de hoje resulta de uma nova ameaça terrorista, conhecida ontem à noite, e que foi detectada por uma empregada de limpeza que descobriu uma mensagem manuscrita numa parede dos sanitários masculinos, cujo teor exacto se desconhece, mas que a polícia diz ser mais uma ameaça de atentado terrorista.

Nos últimos dias têm acontecido diversas situações que se podem considerar de grande preocupação e que têm levado as autoridades a actuar com maior cuidado e cautela, reforçando a vigilância e exercendo um maior controlo em todo o sistema de acesso a aeroportos e aeronaves.

A imprensa indiana de hoje refere que desde o dia 23 de Dezembro, em que foi detectada uma conversa entre alegados terroristas que tinha como alvo o transporte aéreo, que o governo tem reforçado os meios e declarou o que pode considerar-se uma situação de emergência e alerta máximo, em termos de controlo de pessoas e veículos, nas áreas aeroportuárias e de acesso aos aviões.

Na semana passada verificou-se também o que a polícia indiana diz ter sido uma tentativa de assalto a um avião de passageiros da Air India que estava estacionado no Aeroporto de Nova Delhi e no sábado a inteligência militar da Índia tinha indicações sobre uma provável acção de guerrilheiros ao serviço do Estado islâmico do Iraque e da Síria (ISIS). Registou-se ainda um telefonema de um anónimo para o Aeroporto de Bombaim que anunciava o eminente rebentamento de uma bomba que o próprio desmentiu minutos depois, em novo telefonema, dizendo estar a pregar sustos à telefonista.

O curioso destes factos, e que está a inquietar a comunidade aeronáutica indiana, é que não há notícia sobre detenções, nem tão pouco identificação de quem escreveu a mensagem nos sanitários, já que essa zona está vigiada por câmaras de vídeo, o que, em princípio facilitaria a detenção do suspeito ainda dentro das instalações aeroportuárias.

Tendo em conta todas estas situações as autoridades indianas reforçaram hoje, quarta-feira, dia 7 de Janeiro, o sistema de alerta nos aeroportos, sobretudo nos mais movimentados, referem os jornais da Índia, e os milhares de mensagens que já circulam nas redes sociais sobre este tema. Foram deslocados militares e meios capazes de dissuadir eventuais actos terroristas, disseram fontes governamentais.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica