Sevenair compra ativos da L3Harris Tecnhologies em Ponte de Sor

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A Sevenair Academy, empresa de formação de pilotos, adquiriu a totalidade dos ativos da norte-americana L3Harris Tecnhologies no Aeródromo de Ponte de Sor, no Alto Alentejo, centro de Portugal.

“Esta aquisição vai transformar a Sevenair Academy na maior escola de aviação comercial da Europa e vai permitir a reabertura do Campus de Ponte Sor”, anunciou nesta sexta-feira, dia 23 de setembro, a empresa portuguesa.

A concretização deste negócio foi possível com a entrada do family office ‘Worldapproach’, detido por Isaías Gomes Teixeira, no capital da Sevenair Academy, garantindo meios financeiros para a operação. A ‘Worldapproach’ passa a deter 50 por cento do capital da empresa.

A atuação da Sevenair Academy vai, assim, alargar-se a diferentes partes do território nacional, com operações em Tires, Bragança, Ponte Sor e, em breve, no Porto.

Os cursos ministrados na Sevenair são reconhecidos internacionalmente e certificados pelas autoridades competentes (ANAC/Portugal e EASA/União Europeia).

Citado num comunicado distribuído pelo Grupo Sevenair, o empreendedor Isaías Gomes Teixeira refere: “Estamos atentos ao mercado, e pareceu-nos que poder contribuir decisivamente para o crescimento da Sevenair Academy, assegurar a manutenção da escola em Ponte de Sor e dar oportunidade a milhares de jovens de se formarem na sua área de vocação, são excelentes razões para investir neste momento na empresa”.

“A entrada de um acionista empenhado e comprometido com o nosso sucesso e crescimento é uma boa notícia para a Sevenair, para Ponte de Sor e para o setor da aviação em Portugal. Vamos investir e criar uma escola de dimensão global. Sabemos que há uma enorme procura por novos pilotos e estamos inteiramente preparados para satisfazer as necessidades do mercado”, afirma Carlos Amaro, presidente executivo (CEO) da Sevenair Academy, citado também na nota de imprensa.

Empresa portuguesa venceu concurso fechado ao qual concorreram oito empresas internacionais

A Sevenair Academy é a maior e mais antiga academia aeronáutica de Portugal e uma referência internacional. A aquisição dos activos de formação de pilotos da multinacional L3Harris em Portugal verificou-se em concurso fechado, como explica o administrador Alexandre Alves.

Soubemos em Maio que a L3Harris tinha anunciado a sua intenção de sair de Portugal, fechando a sua atividade ou vendendo a terceiros. Obviamente sendo Portugal a nossa base de operações, não poderíamos deixar de tentar fazer um movimento de consolidação e aumentar a nossa capacidade de formação, cujo crescimento tem sido afectado por factores externos como restrições de tréfego aéreo, escassez de hangares, dificuldade e demora no fornecimento de aeronaves novas, etc.

Conseguimos entrar num concurso fechado onde éramos oito concorrentes, alguns deles empresas internacionais de referência no sector da formação, fundos de investimento, entre outros, e após várias fases de selecção, a nossa proposta conseguiu ser aquela que foi considerada vencedora.”

Com esta aquisição a Sevenair Academy torna-se a maior escola de formação de pilotos da Europa, com duas bases de formação (Cascais e Ponte de Sor) onde oferece mais de 30.000 metros quadrados de instalações, mais de 50 aeronaves na sua maioria com uma idade inferior a quatro anos, seis simuladores de voo, um campus para alojar centenas de alunos e a experiência consolidada de 42 anos de atividade tendo formado milhares de profissionais.

Capacidade para treinar 400 pilotos por ano em Portugal nas instalações da Sevenair Academy

Esta capacidade ímpar na Europa permitirá treinar em velocidade de cruzeiro 400 novos alunos piloto por ano, na sua maioria alunos internacionais.

“É um orgulho para a Sevenair Academy ter conseguido apresentar um projecto que foi considerado o melhor entre as várias propostas. Com ele pretendemos não só consolidar a nossa liderança do mercado nacional mas claramente pretendemos crescer no mercado internacional, trazendo para Portugal centenas de alunos estrangeiros, algo que deve também orgulhar o país. O nosso projeto, num investimento de vários milhões de euros, irá, não só manter dezenas de postos de trabalho numa região onde cada um conta muito, como é o Alentejo, como irá fazer esse número aumentar substancialmente. Além disso irá projetar a região e o país internacionalmente com benefícios que têm um impacto extremamente positivo a nível direto e indireto, como se viu no passado.”

A Sevenair Academy está já a tomar posse dos vários activos, tendo transferido na última semana 11 aeronaves, que se encontravam no Reino Unido, para Ponte de Sor e pretende iniciar o processo de certificação das instalações o quanto antes para que possa iniciar formação o mais rápido possível.

“Já há muito que éramos contatados por companhias aéreas que necessitam de um fluxo de pilotos elevado, mas até agora essa capacidade de produzir esses técnicos altamente qualificados com a qualidade e quantidade pretendida não era possível. Agora estamos a ultimar alguns desses contratos e no início do próximo ano esperamos já estar a operar com algumas dessas companhias.”, conclui Alexandre Alves.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Presidente da SATA demitiu-se por falta de “condições” para continuar o “projeto proposto”

A Comissão de Trabalhadores da companhia aérea portuguesa Azores...

FAP terminou missão de patrulhamento no Golfo da Guiné em cooperação com países lusófonos

Os militares Força Aérea Portuguesa (FAP) da Esquadra 601...

Qatar Airways reforça Luanda que terá quatro voos semanais e alarga rede para Kinshasa

A Qatar Airways prossegue a expansão da sua rede...