TAP retomará em breve os voos para Venezuela, esclarece o Governo de Lisboa

A secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, Berta Nunes, disse esta semana na Assembleia da República, em Lisboa, estar a contar que a TAP Air Portugal, retome as ligações para a Venezuela logo que o espaço aéreo reabra ao tráfego normal.

Durante uma audição na comissão parlamentar de Negócios Estrangeiros e Comunidades Portuguesas, Berta Nunes classificou a retoma dos voos para a Venezuela “muito importante”, tendo em conta a forte presença de portugueses naquele país da América do Sul.

Os voos da TAP para a Venezuela, entre Lisboa e Caracas, eram feitos com equipamento e tripulações contratadas à companhia portuguesa Euro Atlantic Airways, mas foram interrompidos em fevereiro passado “por razões de segurança”, após acusações de transporte de explosivos num voo oriundo de Lisboa (LINK notícia relacionada). O Governo de Nicolás Maduro acusou a TAP de ter permitido o transporte de explosivos e de ter ocultado a identidade do líder da oposição venezuelana, Juan Guaidó, num voo para Caracas, violando “padrões internacionais”. Por isso aplicou uma pena de suspensão de 90 dias, que já foi cumprida.

O ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, considerou então essa decisão “completamente infundamentada e injustificada” e o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, repudiou-a, classificando-a de “inaceitável”.

Em 27 de maio passado, o consulado geral de Portugal em Caracas anunciou estar em preparação um voo, em 13 de junho, para repatriar portugueses e outros europeus retidos na Venezuela, após o encerramento, em 15 de março, do espaço aéreo venezuelano, devido à pandemia de covid-19.

Desde finais de março foram repatriados pelo menos cinco dezenas de portugueses na Venezuela, em voos organizados pela União Europeia e Espanha para cidadãos europeus.

Os voos nacionais e internacionais estão restringidos no país.

Em Portugal, a situação de calamidade no país devido à pandemia de covid-19 vai continuar até ao final de junho devido aos feriados e festejos dos santos populares, prevendo-se a reabertura das fronteiras aéreas aos países europeus em 15 de junho.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica