TUI Belgium é a primeira companha europeia a retomar voos com o B737 MAX 8

A TUl Fly Belgium foi a primeira companhia a retomar as operações com o avião Boeing 737 MAX 8 na Europa, após quase dois anos de paragem forçada, por motivos que são bem conhecidos.

O B737 MAX 8 foi recertificado pela EASA (Agência Europeia de Segurança Aérea) no passado dia 27 de janeiro, havendo mais três companhias aéreas com base em países europeus que já anunciaram a retoma das operações com aviões do modelo nas próximas semanas: a Smartwings, a 20 de fevereiro; a Norwegian Air, no dia 1 de março; e a Icelandair que apontou o retorno do aparelho para entre março e abril.

A TUI Fly Belgium, companhia do Grupo TUI baseada na Bélgica, adiantou-se e realizou no passado dia 14 um voo de treino sobre território belga, para obter também a autorização de regresso da aeronave ao serviço por parte da Autoridade Belga de Aviação Civil.

A primeira operação comercial foi feita nesta quarta-feira, dia 17 de fevereiro, entre os aeroportos de Bruxelas Zaventem e de Málaga, no sul de Espanha. O voo TB1011/2 teve ainda uma escala em Alicante, também no sul de Espanha, após o que regressa à capital belga.

A TUI Fly Belgium já recebeu no ano de 2018 quatro dos 15 aviões MAX encomendados à Boeing, todos com capacidade para transportar 189 passageiros em classe única. O voo realizado nesta quarta-feira, dia 17, foi efetuado pela primeira aeronave MAX recebida pela companhia, matrícula OO-MAX, batizado ‘Tenerife Alegria’.

 

  • Na imagem de abertura vemos o primeiro Boeing 737 MAX 8 da TUI Fly Belgium no Aeroporto da Madeira – Cristiano Ronaldo, no dia 13 de abril de 2018, então com apenas três meses de serviço. Foto © José Luís Freitas.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica