Air France aterra em Lisboa, pela primeira vez, com o Airbus A220-300

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Um dos voos da Air France entre Paris-Charles de Gaulle e Lisboa da passada segunda-feira, dia 6 de dezembro, foi realizado com um dos modernos Airbus A220-300 que desde o mês passado equipam a frota da companhia aérea de bandeira francesa, sendo a primeira vez que uma aeronave deste tipo escala Lisboa ao serviço da Air France.

Com a chegada do voo AF1624 nesta segunda-feira, a capital portuguesa juntou-se ao grupo restrito de cidades europeias – em que se integram Barcelona, Berlim, Madrid, Milão e Veneza – já contempladas com a introdução deste avião de última geração na sua rede de curto e médio curso. Até ao final de 2025, a Air France vai receber um total de 60 aeronaves A220-300, encomendadas em 2019 para substituir gradualmente os seus aviões Airbus A318 e A319, bem como vários A320, utilizados nas rotas de médio curso, sobretudo entre cidades europeias.

A Air France opera, este inverno, rotas entre Paris-CDG e 3 aeroportos portugueses (Lisboa, Porto e Faro). Esta oferta é complementada pela do seu parceiro dos Países Baixos, a KLM, com voos entre Lisboa ou Porto e Amesterdão-Schiphol.

 

O avião de corredor único mais inovador e eficiente da sua categoria, o Airbus A220-300 adapta-se perfeitamente à rede de curto e médio curso da Air France. Oferece uma redução de 10% no custo por assento face aos A318 e A319 e destaca-se pelo desempenho energético: consome 20% menos combustível do que o avião que substitui e as suas emissões de CO2 são também 20% menores. A sua pegada de ruído é também de menos 34%. Estas características vão exercer um papel crucial na redução da pegada ambiental e na realização dos objetivos de desenvolvimento sustentável da Air France.

Até 2030, a companhia terá reduzido em 50% todas as suas emissões de CO2 por passageiro/km face a 2005, ou 15% em termos absolutos. A Air France está também empenhada em trabalhar com todas as partes interessadas e os poderes públicos para atingir o objetivo climático de zero emissões líquidas de CO2 até 2050.

 

O Air France Airbus A220-300 tem 148 assentos, numa configuração 3-2 (cinco assentos por fila), permitindo que 80% dos clientes desfrutem de um assento à janela ou no corredor. Propõe duas cabinas de serviço, Executiva e Económica, e acesso ao Air France Connect, a oferta de Wi-Fi a bordo da companhia.

O assento é o mais largo do mercado (48 cm). Com uma inclinação de 118 graus e um encosto para a cabeça ajustável, é revestido em couro e possui espumas ergonómicas para maior conforto. Um largo tabuleiro monobloco, porta-copos, bolsa para revistas e livros, tomadas USB A e C individuais e um porta-tablet ou smartphone integrado no encosto completam o pacote.

Os compartimentos de bagagem espaçosos permitem o carregamento fácil das malas. O corredor central, particularmente amplo, facilita a deslocação.

Finalmente, como em toda a frota da Air France, o ar da cabina é completamente renovado a cada três minutos graças a um sistema de reciclagem que usa filtros do tipo H.E.P.A. (High Efficiency Particulate Air), que eliminam 99,9% das partículas e vírus.

 

  • Notícia com base em informações e fotografias divulgadas pela Air France

 

1 COMENTÁRIO

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

TAP Air Portugal terá 95 voos semanais para o Brasil no mês de julho

Uma delegação da TAP Air Portugal, liderada pelo seu...

Teste de táxi aéreo elétrico pode definir novo tipo de transporte para peregrinos do Hajj, na Arábia Saudita

Num movimento histórico, a Arábia Saudita conduziu com sucesso...

Instituto Superior de Aeronáutica e Turismo de Cabo Verde instalado na ilha do Sal

A Universidade Técnica do Atlântico (UTA) apresentou publicamente na...