American Airlines comunica que os B737 MAX voltam ao serviço no dia 5 de março

A American Airlines, maior companhia aérea do mundo, divulgou neste fim-de-semana um comunicado em que anuncia que retomará os voos com a sua frota de Boeing 737 MAX a partir do próximo dia 5 de março de 2020.

A companhia norte-americana que neste momento tem 24 aviões daquele modelo estacionados, revelou que tem estado em contato com as autoridades norte-americanas, Administração Federal de Aviação Civil (FAA) e Departamento de Transportes, e com a Boeing, e que tudo está preparado para o B737 MAX já estar autorizado a voar novamente nessa data. Praticamente um ano depois da proibição.

Logo que o avião esteja recertificado, o que deverá acontecer, o mais tardar, até janeiro do próximo ano, segundo as previsões já avançadas por técnicos ligados ao processo, a American Airlines vai promover voos de teste e ensaio nos seus aviões, após as alterações ou modificações propostas pela Boeing. Com a intervenção direta dos seus pilotos e equipas técnicas, a American irá avaliar se os melhoramentos introduzidos na aeronaves estão de acordo com as expectativas da companhia e das suas equipas técnicas, adiantou a empresa na nota de imprensa distribuída nesta sexta-feira, dia 8 de novembro.

As entidades reguladoras da aviação civil, em todo o mundo, proibiram o uso dos Boeing 737 MAX em março deste ano, após dois acidentes dois acidentes graves e fatais: um na Indonésia, em outubro de 2018, e outro na Etiópia, em março deste ano.

 

  • Foto ©JochenReitze_netAirspace-com

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica