Bem-vindo, !|Sair

ANAC analisa 18 pedidos da Avianca para rotas Brasil-EUA

Brasil e os Estados Unidos têm assinado um acordo de céus abertos com o intuito de permitir a total liberalização das operações aéreas entre os países até o final deste ano. A assessoria técnica da ANAC, Agência Nacional de Aviação Civil do Brasil, confirmou ao site de informação de turismo e viagens M&E – Mercado e Eventos que a Avianca solicitou 14 frequências cujas rotas ainda serão definidas.

O acordo encontra-se assinado pelos dois países e cumprindo rito de ratificação nos EUA e no Brasil. Pela parte brasileira, o acordo aguarda remessa de mensagem presidencial ao Congresso, solicitando a sua análise e aprovação. Atualmente existem 105 frequências semanais operadas por empresas brasileiras e 198 de empresas dos Estados Unidos. Além das frequências brasileiras já operadas, estão já alocadas 18 frequências e outras 24 em processo de alocação (Azul e Avianca), refere o ‘M&E’.

Uma vez concretizadas, serão 147 frequências pelo lado brasileiro. O acordo prevê um total de 301 frequências semanais para cada lado. Se e quando o acordo entrar em vigor, a capacidade (frequências) será totalmente liberalizada, sem limitação. Enquanto o acordo não é aprovado, as autoridades de aviação civil acordarão incremento anual de frequências. No entanto, dado o número atual de frequências, já há na prática um regime de liberdade de oferta de novos voos. A taxa de crescimento do mercado de passageiros entre o Brasil e os Estados Unidos da América (e vice-versa), entre 2008 e 2013, foi de 89,2% (média de 13,5% ao ano).

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica