Antonov An-28 aterra de emergência na Sibéria – 18 ocupantes salvos

Um avião de passageiros Antonov An-28 da companhia russa SiLA – Siberian Ligth Aviation, com 18 pessoas a bordo, que estava desaparecido desde a manhã desta sexta-feira, dia 16 de julho, na Sibéria, foi encontrado por helicópteros dos serviços de busca e resgate da Federação Russa, ao princípio da tarde. Todos os ocupantes, incluindo três tripulantes, sobreviveram, tendo alguns sido encaminhados para uma unidade hospitalar para observação e tratamentos a escoriações.

O avião, um bimotor, construído em 1989, matrícula RA-28728, tinha descolado do Aeroporto de Kedrovo e tinha como destino o Aeroporto de Tomsk-Bogashevo, na Sibéria.

A imagem de abertura mostra o avião acidentado. Foto © Igor I. Savin/aviation-safety.net

Foram enviadas diversas equipas de busca e resgate para a zona onde o avião deixou ser visto nos radares. O comandante disse que sofreu uma primeira avaria num motor, tendo depois parado o segundo, pelo que a única hipótese foi procurar imediatamente um sítio adequado para uma aterragem de emergência.

 

O aparelho ficou imobilizado num terreno florestal, com intensa vegetação de porte baixo, e foi encontrado com as rodas para cima, depois de ter feito um rasgo entre o arvoredo. As filmagens feitas por um helicóptero de buscas mostram ainda um peça a arder que, possivelmente, será um dos motores que se despegou da aeronave. A cabina, embora capotada, não sofreu grandes rombos, razão pela qual os passageiros acabaram por, felizmente, ficarem de algumas forma protegidos.

 

  • Foto de abertura © West Siberian Prosecution Office
  • Notícia em desenvolvimento – atualizada às 15h40 UTC

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica