Bem-vindo, !|Sair

Argelinos condenados a 4 anos de prisão suspensa em Lisboa

Os quatro cidadãos argelinos que, no passado dia 30 de julho, invadiram a pista de aterragem do Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, foram condenados a quatro anos de pena suspensa, por atentado à segurança de transporte por ar, decidiu nesta quinta-feira, dia 11 de agosto, o Tribunal de Pequena Instância Criminal de Lisboa, onde decorreu o julgamento em processo sumário.

Os quatro argelinos estavam acusados dos crimes de introdução em local vedado ao público, atentado à segurança contra transporte por ar e, um deles, estava também acusado de violação de medida de interdição, por se encontrar impedido de entrar em Espanha, o que o impedia de entrar em qualquer país do espaço Schengen.

No dia 30 de julho, momentos após saírem de um avião da TAP que fez a viagem entre o Aeroporto de Argel e de Lisboa, os quatro homens escaparam-se por uma saída de emergência para a plataforma de estacionamento dos aviões, fugindo depois para fora do perímetro aeroportuário, com intenção de escalar uma cerca que protege o aeroporto de incursões estranhas. Foram vistos por elementos do serviço de controlo aéreo quando já estavam a atravessar a pista principal de serviço do aeroporto de Lisboa, onde o movimento aéreo chegou a estar interrompido cerca de 34 minutos. Foram detidos por agentes da esquadra da polícia do aeroporto.

Os quatro arguidos poderão recorrer da decisão judicial. Entretanto manter-se-ão à guarda do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). No final foram informados de que os seus processos de pedido de asilo continuam a decorrer.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica