Bem-vindo, !|Sair

Avião A321 sofre explosão no ar e pousa em chamas em Mogadíscio

recrutamento-website-h2air-750x120px

 

Um avião Airbus A321 da companhia privada Daallo Airlines, com bandeira da Somália, sofreu uma explosão a bordo, pouco depois de levantar voo do Aeroporto de Mogadíscio, capital do país, que lhe provocou um visível rombo na fuselagem junto da asa e do motor do lado direito. O aparelho, matrícula SX-BHS. voava a cerca de 10.000 pés (cerca de 3.000 metros) de altitude quando foi ouvida uma explosão a bordo, verificando-se de imediato que fora aberto um buraco na fuselagem

A aeronave iniciou de imediato o regresso ao aeroporto de partida, onde fez um pouso de emergência, pouco tempo depois, em segurança, não obstante ter o lado direito envolto em chamas. Os bombeiros aeroportuários conseguiram extinguir o fogo, havendo apenas a registar dois feridos que foram levados para um hospital desconhecendo-se o seu estado de saúde. Algumas informações veiculadas na imprensa de países africanos, referem que foi encontrado o corpo de um homem que terá caído de um avião, nas imediações da zona onde o avião da Daallo Airlines sofreu a explosão. Uma informação que não se consegue confirmar de fonte certa.

 

Airbus-A321--Interior-Dallo-Airlines

O incidente aconteceu nesta manhã de terça-feira, dia 2 de fevereiro, e as informações disponíveis são pouco esclarecedoras. As notícias que nos chegam através das redes sociais indicam que o avião seguia em viagem regular (voo D3159) com 74 passageiros e tripulantes a bordo, com destino a à República do Djibouti, no nordeste de África.

Os desenvolvimentos das notícias, quer das agências nacionais e internacionais, quer dos canais noticiosos de televisão, não conseguiram ainda uma versão exacta do que terá acontecido com o avião da Daallo. Há quem refira que poderá ter ocorrido o rebentamento de uma garrafa de oxigénio a bordo, outros que terá acontecido um rebentamento da estrutura metálica da fuselagem, ou que terá sido rebentada uma bomba a bordo. Nenhuma das hipóteses ganhou o acordo das autoridades de segurança aérea da Somália e o ministro dos Transportes já anunciou que está constituída uma comissão técnica que procederá ao inquérito e apresentará um relatório sobre as eventuais causas da explosão. Ao princípío da noite desta terça-feira, alguns canais televisivos noticiaram que foram encontrados resíduos de uma matéria explosiva junto do buraco que escancarou o avião.

A Somália está afetada desde 1991 por um conflito armado que envolve diversos países da sua zona geográfica, conhecida pelo Corno de África.

Airbus-A321-Dallo-Airlines

  • Notícia em atualização – 23h50 UTC de 2 de fevereiro de 2016

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica