Bem-vindo, !|Sair

Avião ultra-leve caiu em Almeirim – Não há feridos

Uma aeronave ultra-leve caiu nesta terça-feira, dia 17 de Fevereiro, pelas 16h00, na localidade de Raposa, concelho de Almeirim, distrito de Santarém, no Centro de Portugal, não havendo feridos a registar. O alerta só foi dado cerca das 18h30 por uma pessoa que passou na zona e viu o avião no solo.

O aparelho, por razões ainda desconhecidas, despenhou-se na zona perto do aterro sanitário, noticia o jornal online ‘O Mirante.pt’, que se edita na Região de Santarém. No avião seguiam o piloto e um outro ocupante, ambos da zona de Lisboa. Os bombeiros não foram accionados para o local por não haver feridos e a GNR de Almeirim tomou conta da ocorrência.

 

Terceiro acidente com aviões ultra-leves neste ano

Este ano já ocorreram na região dois acidentes mortais com aviões de pequeno porte. O mais recente foi no dia 6 de Fevereiro no Aeródromo de Alqueidão, no concelho da Azambuja. Dois ocupantes do aparelho faleceram após a aeronave se ter despenhado e explodido. O Eduardo Cruz, que tinha acabado de completar 70 anos, era o proprietário e o piloto da aeronave e deslocava-se com um amigo, também ele antigo piloto de helicópteros, para Braga, onde se iriam encontrar com outros pilotos que, como eles, estiveram na Guerra Colonial em África.

Antes, no dia 3 de Janeiro, caiu um outro ultraleve no concelho de Tomar, junto ao campo de voo de Valdonas. No acidente morreu o piloto José Borga, de 51 anos, empresário de Ourém e ex-presidente do Clube Atlético Ouriense. O outro ocupante do avião, com 43 anos, Nuno Castanheiro, sofreu ferimentos graves mas ficou livre de perigo e está em franca recuperação.

 

  • Matéria escrita com base na notícia do jornal online ‘O Mirante
  • Foto do jornal online ‘O Almeirinense

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica