Beriev Be-200 cai na Turquia – Morreram os oito ocupantes

Morreram oito tripulantes – cinco russos e três turcos – de um avião de combate a incêndios que caiu neste sábado, dia 14 de agosto, em Kahramanmaras, província de Adana, no sudeste da Turquia.

Segundo a agência de notícia turca ‘Anadolou’, trata-se de um avião bimotor anfíbio Beriev-200, que tinha sido fretado à Rússia, e que estava ao serviço da Direção Geral de Florestas desde o passado dia 8 de julho, integrado no dispositivo aéreo de combate aos incêndios florestais que na últimas duas semanas têm assolado a Turquia.

O avião terá se despenhado contra uma montanha quando combatia um fogo que começou na tarde deste sábado, depois da queda de um raio ter atingido uma área florestal. Depois de lançar água sobre as chamas, o aparelho não conseguiu voltar a subir por motivos ainda desconhecidos e colidiu com a montanha.

O Beriev Be-200 é um avião anfíbio multiusos, com dois motores a jato, que foi lançado no início do corrente século pela fábrica russa Irkut Corporation. Foi desenhado em 1998 pela Beriev Aircraft Company, que seguiu indicações do Ministério das Situações de Emergência da Rússia, que pretendia uma aeronave que pudesse ser utilizada em diversas situações, nomeadamente busca, resgate e transporte de socorristas em desastres naturais, assim como no combate a fogos florestais. Começou a voar no ano 2000. Portugal alugou duas aeronaves desse tipo, com tripulações estrangeiras, que voaram integrados no dispositivo de combate a fogos florestais no continente português, no Verão de 2006.

 

  • Notícia em desenvolvimento – 18h30 UTC

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica