Bem-vindo, !|Sair

British aumenta de seis para nove frequências Londres/Gatwick-Madeira

Absant Training - Junta-te a Nós, Inscrições AbertasA British Airways anunciou nesta quinta-feira, dia 4 de janeiro, a sua programação de voos para o Verão deste ano à partida do Aeroporto de Londres/Gatwick, que integra uma grande componente de ligações para destinos de férias e de praia.

O programa de voos regulares da British do segundo maior aeroporto da região metropolitana de Londres é o maior da última década, afirma a companhia em comunicado, e engloba os slots adquiridos à extinta Monarch Airlines, que contemplavam centenas de voos semanais para destinos turísticos, nomeadamente no sul de Espanha, ilhas das Baleares e das Canárias e, também em Portugal. No total serão mais de 150 voos semanais, comparando com o programa de Verão de 2017. O longo curso também surge com novos voos, a maioria para destinos de férias e de praia, como Caraíbas, Cancun (México), Orlando (Flórida/EUA) e ilhas do Oceano Índico.

Para Portugal os voos aumentam para Faro (de 17 para 21 semanais) e para a Madeira (de seis para nove frequências por semana). Em número de passageiros estes novos voos não representarão um acréscimo, já que se destinam a colmatar a ausência da ex-Monarch nesses dois aeroportos portugueses. Outros voos que eram feitos pela companhia britânica, que faliu no passado Verão, estão a ser assumidos por outras empresas aéreas, nomeadamente a Jet2.com, de acordo com as programações dos principais operadores turísticos em cada destino.

O anúncio da British Airways que terá no Verão de 2018 cerca de 1.000 voos por semana à partida de Londres/Gatwick está a ser bem aceite entre os operadores turísticos britânicos e os passageiros em geral. Mostra alguma preocupação da companhia de bandeira britânica em não potenciar o mercado para o lado das companhias de baixo custo, o que no caso de Gatwick, seria dar mais passageiros à EasyJet, cujo crescimento estará, também, limitado pela escassez de frota e pelo número de pilotos. Os aviões da frota da extinta Air Berlin que a companhia de baixo custo europeia adquiriu ficarão baseados em Tegel, onde a EasyJet iniciou nesta data voos regulares domésticos (LINK notícia relacionada). O que se passa, na verdade, é uma colagem da antes ‘imperial’ British Airways às denominadas companhias de low cost, esbatendo diferenças de tarifas e oferecendo mais serviço.

O espanhol Alex Cruz, presidente executivo da British Airways, disse a propósito da nova programação de Verão da companhia à partida de Londres/Gatwick, que há muitos voos novos ( Baleares e Gibraltar são exemplos desta nova oferta) e uma política de preços que surpreenderá os passageiros pela positiva. Avisou que a empresa vai lançar cerca de 40.000 lugares em 400 voos, a preços muito baixos, entre os dias 9 de fevereiro e 24 de março, em período de baixa estação, o que permitirá a muitos britânicos gozarem férias fora da alta estação em diversos destinos de praia, por exemplo.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica