Companhias chinesas retomam voos domésticos em Hubei – Wuhan é exceção

Um voo da companhia chinesa Fuzhou Airlines, que partiu neste domingo, dia 29 de março, do aeroporto de Yichang, marcou a retoma dos voos comerciais na província de Hubei, depois de um período de suspensão, que durava desde o mês de janeiro, devido ao surto do novo coronavírus que deu origem à doença covid-19, hoje estabelecida como pandemia em todo o mundo.

O voo FU6779 com 64 passageiros a bordo descolou com destino a Fuzhou, cidade capital da província de Fujian, no leste da China, anunciou a agência de notícias ‘Nova China’.

De acordo com a autoridade de aviação civil da China (CAAC) os voos comerciais estão abertos novamente para todos os aeroportos da província de Hubei, menos para o Aeroporto Internacional de Tianhe, na cidade de Wuhan, capital da província e onde se verificou a eclosão da doença. Para este aeroporto a única companhia que voava do estrangeiro era a Air France com três voos por semana.

A reabertura de voos autorizada para os restantes aeroportos da província inclui passageiros e carga, mas apenas em rotas domésticas.

As autoridades de Hubei estimam reabrir até à próxima quarta-feira, dia 1 de abril, todas as atividades económicas da província, assim como todo o sistema de transporte de cidadãos.

Os aeroportos foram sujeitos a intensas desinfeções tendo sido colocados em áreas de desembarque e públicas sistemas electrónicos de medição das temperaturas dos passageiros, com aparelhos de grande precisão que identificam estados febris entre filas de pessoas. Foram também criadas áreas de isolamento para pessoas com suspeitas de infeção e os trabalhadores aeroportuários foram sujeitos a treinos intensivos de como lidar com novos casos de infetados com a covid-19.

Responsáveis aeroportuários e dos serviços de saúde chineses consideram que os riscos estão minimizados, mas aconselham que os cidadãos continuem a observar as medidas de segurança e proteção pessoal que continuam em vigor e a ser recomendadas por todo o lado na província de Hubei. Aliás, serão montados postos móveis de controlo nas estradas de acesso às vias expresso e nacionais, para precaver novo surto.

 

  • A imagem de abertura foi distribuída pela agência ‘Nova China’ e mostra a forma como os passageiros foram atendidos a bordo de um voo comercial do aeroporto de Liuji, na cidade de Xiangyang, no centro da província de Hubei, neste domingo, dia 29 de março. As precauções para evitar entrar em contacto com o vírus mantêm-se em alto grau de alerta. Foto © Xinhua/Xie Jianfei
  • Mais notícias sobre a pandemia do Novo Coronavírus/Covid-19 – LINK

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica