Companhias reclamam do novo regime de taxas nos aeroportos portugueses

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

As companhias de aviação comercial, de transporte de passageiros e carga, que utilizam os aeroportos portugueses reivindicam a suspensão da entrada em vigor das taxas aeroportuárias de 2015.

A reclamação foi apresentada no Instituto Nacional de Aviação Civil (INAC), em Lisboa, e resulta de uma posição conjunta da RENA – Associação Representativa das Companhias Aéreas em Portugal e da IATA – Associação Internacional de Transporte Aéreo.

António Portugal, director-executivo da RENA, disse ao ‘Diário Económico’, que se publica em Lisboa, que a reclamação pretende obter um esclarecimento da ANA e obrigar a concessionária dos aeroportos portugueses “a explicitar na ótica da cobertura de custos por que é que está a aumentar as tarifas”.

Segundo o mesmo jornal a TAP Portugal, a British Airways e a Air France juntaram-se, a título individual, à posição assumida pelas duas associações.

A RENA diz que o novo modelo de concessão dos aeroportos portugueses está desligado da diretiva europeia das taxas aeroportuárias, visto que estas deveriam fixar-se numa lógica de recuperação de custos ligados às instalações e serviços.

Segundo António Portugal, a ANA fixou as taxas de acordo com a receita média máxima definida pelo contrato de concessão, sem “a mínima ligação ou fundamentação com os custos base do aeroporto”.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

TAP Air Portugal retomou rota direta entre a Venezuela e a ilha da Madeira

– Cerimónia oficial e decoração a preceito na zona...

TAP Air Portugal terá 95 voos semanais para o Brasil no mês de julho

Uma delegação da TAP Air Portugal, liderada pelo seu...

Teste de táxi aéreo elétrico pode definir novo tipo de transporte para peregrinos do Hajj, na Arábia Saudita

Num movimento histórico, a Arábia Saudita conduziu com sucesso...