Contribuição da Emirates SkyCargo para uma melhor alimentação mundial

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A Emirates SkyCargo transporta toneladas de alimentos para todo o mundo durante este período de pandemia da covid-19. Atualmente, cerca de 500 toneladas de alimentos são transportadas diariamente nos porões das aeronaves da maior companhia aérea dos Emirados Árabes Unidos em todo o mundo. Uma contribuição que se assinala nesta sexta-feira, 16 de outubro, que a Organização das Nações Unidas instituíram como o ‘Dia Mundial da Alimentação’.

Quando o primeiro voo cargueiro da Emirates SkyCargo descolou de Guadalajara, no México, no dia 2 de outubro, o compartimento de carga continha várias toneladas de abacates e outros vegetais cultivados e colhidos no México e destinados às prateleiras dos supermercados na Europa e Médio Oriente.

No Quénia, os 10 voos semanais da Emirates do aeroporto de Nairobi transportam, entre outras comodidades, frutas e vegetais frescos como feijão verde, abacaxi, manga e abacate. A produção chega ao Dubai e é depois distribuída para outros mercados regionais no Médio Oriente e posteriormente para a Europa.

Os voos da Emirates que partem da Austrália e da Nova Zelândia, transportam carne e uma variedade de frutas, incluindo uvas e melancias, em direção aos mercados internacionais.

Côco da Tailândia, mangas da Índia, batata-doce do Egito, mirtilos do Reino Unido, queijos de França e Itália, salmão da Noruega, cerejas do Chile, mariscos do Paquistão, produtos de panificação da Holanda e frutas tropicais do Vietname são apenas uma seleção limitada de alimentos que viajam todos os dias nos voos da Emirates na sua rede global de mais de 130 destinos em seis continentes.

Os consumidores em todo o mundo integraram ingredientes e produtos internacionais nas suas dietas por motivos nutricionais. Com a rede global e a programação de voos da Emirates SkyCargo, alimentos de diversas origens mantêm a sua frescura à medida que são transportados rapidamente para as mesas dos consumidores.

O crescimento dos mercados de exportação na última década impulsionou as comunidades agrícolas nos diversos mercados de produção. Os voos da Emirates SkyCargo oferecem uma ligação rápida e direta entre os agricultores e exportadores de produtos alimentares e os seus clientes finais, apoiando assim os seus meios de subsistência e as economias locais.

 

 

A cada novo destino, a Emirates SkyCargo abre mais uma rota comercial potencial para produtos alimentares em todo o mundo. Por exemplo, a Emirates SkyCargo, através dos seus voos diretos, ajudou a criar um mercado para frutas tropicais do Vietname no Médio Oriente e as exportações destes produtos aumentaram quase cinco vezes em apenas um ano, em 2017.

Com a pandemia de covid-19 e a interrupção da aviação internacional de passageiros, a cadeia de abastecimento de produtos alimentares ficou em risco. No entanto, a Emirates SkyCargo trabalhou muito rapidamente para reestruturar a sua conectividade internacional de carga, aumentando sua rede de cargueiros de cerca de 35 destinos para mais de 130 destinos no início de outubro e também em aeronaves de passageiros. Atualmente, cerca de 500 toneladas de alimentos são transportadas todos os dias no porão de aeronaves da Emirates em todo o mundo.

Como uma transportadora socialmente responsável, a Emirates SkyCargo garantiu que a capacidade de carga adequada permanece disponível nas suas aeronaves durante a pandemia para o transporte de itens médicos urgentes, bem como de alimentos. Ao fazer isso, a transportadora aérea de carga pode ajudar os países a manter os seus suprimentos de alimentos e, ao mesmo tempo, ajudar os agricultores que dependem das exportações nestes tempos difíceis.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Grande maioria dos portugueses dizem não conhecer os direitos dos passageiros no transporte aéreo

O Eurobarómetro divulgado neta segunda-feira, dia 22 de julho,...

Boeing e Korean Air fecham negócio que envolve 50 novos jatos para reforço da frota de longo curso

A Boeing anunciou na manhã desta segunda-feira, dia 22...

TAAG duplica número de voos regulares de carga para três países africanos

No prosseguimento da sua estratégia comercial e com o...