Bem-vindo, !|Sair

Copiloto da Luxair acusado de negligência em incidente com Q400

 width=“750” height=

Um copiloto da Luxair foi esta semana formalmente acusado de um acidente durante uma descolagem no aeroporto de Saarbrücken, na Alemanha, que deixou o avião seriamente danificado em 2015.

O acidente, que envolveu um Bombardier Q400 da companhia do Grão-Ducado do Luxemburgo, ocorreu a 30 de setembro de 2015. De acordo com o relatório final do departamento de investigação aeronáutica da Alemanha, o copiloto de 27 anos levantou o trem de pouso demasiado cedo.

Numa gravação captada no cockpit podia ouvir-se o copiloto dizer “ups, desculpa” no momento do acidente. O avião não conseguiu descolar e deslizou 875 metros na pista antes de parar. Os tripulantes e os passageiros saíram ilesos do acidente.

Um primeiro relatório publicado em fevereiro de 2016 sugeria um erro humano como uma possível causa e o último relatório confirma esta teoria. A falta de atenção do copiloto, o não respeito dos procedimentos de comunicação entre piloto e copiloto e, finalmente, a retirada prematura do trem de pouso foram apontados com as causas do acidente.

Após o acidente, foi feito  um pedido à Bombardier para ajustar o seu plano, para que não seja possível levantar o trem de pouso antes do avião deixar a pista.

O procurador de Saarbrücken pediu uma investigação sobre o copiloto por entender que este tinha colocado vidas em risco por negligência.

 

  • Notícia publicada no dia 3 de dezembro pelo site de notícias em português ‘Contacto’, do Luxemburgo
  • Foto © Becker Brezel

banner-newsavia-app-android-750x65

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica