Embraer ganha mercado na República Popular da China

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img


 

O 4º Fórum Regional de Aviação da China (RAF 2017), uma organização conjunta da Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer) e do grupo chinês West Airport, tem lugar nos dias 29 e 30 de Agosto em Yinchuan, na Região Autónoma de Ningxia Hui, subordinado ao tema “Inovação, conectividade e ‘The Belt & Road’: levando a aviação regional para o próximo nível”, informou a construtora aeronáutica brasileira em comunicado.

Este encontro contará com a participação de mais de 200 executivos de companhias aéreas, dirigentes de associações comerciais e especialistas da indústria, incluindo quadros da Embraer, que discutirão os desafios e oportunidades na aviação regional da China no contexto da iniciativa ‘Uma Faixa, Uma Rota’.

John Slattery, presidente executivo da Embraer Aviação Comercial, recordou que a Embraer já entregou mais de 2.300 aviões a jato comerciais a mais de 100 companhias aéreas em 60 países, “acumulando a empresa uma grande experiência no desenvolvimento de mercados de aviação regional com a operação bem-sucedida dos E-Jets.”

A Embraer é o principal fabricante de jatos comerciais até 130 assentos, liderando na China o mercado de aviação regional no segmento de jatos de 70 a 130 assentos com quase 80% da participação de mercado.

Até Julho de 2017, a Embraer registou 221 pedidos firmes na China (187 jatos comerciais e 34 executivos) e 179 entregas (145 jatos comerciais e 34 executivos).

 


“Como

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Ryanair subiu número de passageiros e de receitas no último ano fiscal

O grupo europeu de companhias aéreas de baixo custo...

Helicóptero com o presidente do Irão caiu no noroeste do País e ainda não foi encontrado

O Governo da República Islâmica do Irão esteve reunido...

Ambientalistas da ‘Zero’ consideram que aumento da capacidade do aeroporto é risco grave para Lisboa

A associação ambientalista ‘Zero’ considera que o aumento da...