Etihad Airways negoceia entrada no capital da Lufthansa

banner-newsavia-app-android-750x65

O grupo alemão Lufthansa (dono das companhias Lufthansa, Austrian Airlines, Swiss International Air Lines e Eurowings) está em conversações com a companhia árabe Etihad Airways, com sede em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, com vista a uma eventual fusão de negócios. A notícia foi divulgada nesta terça-feira, dia 17 de janeiro, pelo jornal italiano ‘Il Messaggero’.

Responsáveis da Lufthansa e da Etihad têm se reunido desde há algumas semanas e têm seguido com as negociações para a companhia árabe adquirir 30 a 40 por cento do grupo alemão, num próximo aumento de capital, o que significaria a entrada de dinheiro fresco na Lufthansa.

Ambos os grupos, refere nesta terça-feira a agência noticiosa ‘Reuters’, classificaram a notícia de “especulação”, enquanto na Bolsa de Frankfurt as ações do grupo alemão valorizaram seis por cento, após a divulgação das negociações.

A Lufthansa e a Etihad assinaram no final do ano passado um acordo de code-share e o grupo alemão alugou 38 aviões da Air Berlin, companhia de registo alemão, que é participada e controlada financeiramente pela Etihad.

A Etihad Airways é uma companhia nacional dos Emirados Árabes Unidos cujo capital é totalmente público. O capital social da Lufthansa é distribuído por investidores alemães (69%), norte-americanos (13%) e de outras nacionalidades.

A ‘Reuters’ recorda no seu despacho que a Qatar Airways, uma das rivais da Etihad no Médio Oriente, adquiriu no mercado de capitais cerca de 20 por cento das ações do Grupo IAG, dono da British Airways, da Iberia e da Aer Lingus. As negociações entre alemães e árabes podem ter em vista o reforço dos laços da Etihad com um grande grupo de aviação comercial na Europa, depois da entrada e controlo da italiana  Alitalia e da alemã Air Berlin, procurando desta forma uma situação mais estável e com maior dimensão em termos de frota e de rotas.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica