EUA repõe restrições a viajantes oriundos de vários países – Brasil incluído

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

O Presidente dos EUA vai repor as restrições às viagens a partir de países do espaço Schengen, Reino Unido, Irlanda e Brasil para travar a expansão da pandemia de covid-19, anunciou nesta segunda-feira, dia 25 de janeiro, a Casa Branca.

À lista, Joe Biden acrescenta ainda a África do Sul, que não fazia parte, anteriormente, do conjunto de países com restrições de entrada nos EUA que o ex-Presidente Donald Trump levantou antes de abandonar o cargo, em 20 de janeiro.

“O Presidente decidiu manter as restrições que existiam anteriormente para o espaço Schengen, Reino Unido, República da Irlanda, e Brasil”, anunciou a porta-voz da Casa Branca, Jen Psaku, através de um comunicado.

As restrições deveriam ser levantadas a partir de terça-feira. A proibição de passageiros provenientes da União Europeia e do Reino Unido foi imposta por Donald Trump em março e a do Brasil em maio.

Em 18 de janeiro, dois dias antes de deixar a Casa Branca, Donald Trump decidiu manter em vigor apenas as restrições de viagem a passageiros procedentes da China e do Irão.

Quando a ordem de Donald Trump foi conhecida, a atual porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, disse na sua conta na rede social Twitter que, com o agravamento da pandemia e o surgimento de variantes mais contagiosas em todo o mundo, “este não é o melhor momento para levantar restrições a viagens internacionais”.

“A administração não pretende levantar estas restrições em 26 de janeiro”, antecipou a atual porta-voz.

Além disso, os Estados Unidos exigirão a partir de terça-feira um teste covid-19 negativo para todos os passageiros aéreos antes de voarem para o país, incluindo os norte-americanos.

A medida, anunciada pelo Centro de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC) em 12 de janeiro, também estabelece a recomendação de submissão a um novo teste três a cinco dias após a chegada ao país e permanecer em quarentena em casa durante sete dias após a viagem.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Presidente da SATA demitiu-se por falta de “condições” para continuar o “projeto proposto”

A Comissão de Trabalhadores da companhia aérea portuguesa Azores...

FAP terminou missão de patrulhamento no Golfo da Guiné em cooperação com países lusófonos

Os militares Força Aérea Portuguesa (FAP) da Esquadra 601...

Qatar Airways reforça Luanda que terá quatro voos semanais e alarga rede para Kinshasa

A Qatar Airways prossegue a expansão da sua rede...