Fly2Sky noticia contrato de aluguer (ACMI) com a TAP Air Portugal

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A companhia aérea búlgara Fly2Sky anunciou a assinatura de um novo contrato ACMI com uma companhia aérea europeia, que não identifica, mas que facilmente se conclui tratar-se da TAP Air Portugal, para o fornecimento de um Airbus A320 e um Airbus A321 para as suas operações durante a temporada de Verão.

“A nossa solução ACMI fornece aos nossos clientes um pacote completo de aeronaves, tripulação, manutenção e seguros, oferecendo uma solução rentável e flexível para as suas operações de voo”, refere a companhia em comunicado de imprensa, no qual informa que as operações já tiveram início no dia 31 de março, no dia em que ambas as aeronaves foram deslocadas para a Europa Ocidental. Neste caso para o Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa.

“Agradecemos aos nossos clientes e parceiros pela sua confiança e apoio contínuos”, disse Anelia Marinova, responsável pela gestão do departamento de ACMI da Fly2Sky. “O nosso empenho em fornecer o mais alto nível de serviço e apoio ao cliente continuará a ser a nossa principal prioridade à medida que continuamos a expandir as nossas operações”, acrescenta.

A Fly2Sky identifica-se como um fornecedor líder de serviços de aviação, oferecendo uma gama de soluções a clientes em todo o mundo. A empresa opera uma frota de aeronaves Airbus modernas e eficientes, e tem uma equipa de profissionais experientes dedicados a fornecer os mais altos níveis de segurança, qualidade e fiabilidade.

Os dois aviões fornecidos pela Fly2Sky são o A320, matrícula LZ-MDI, número de série 3378, com pouco mais de 15 anos de serviço após a saída de fábrica; e o A321, matrícula LZ-MDL, número de série 1503, com quase 21 anos de serviço.

Ambos os aviões estão a ser utilizados desde o passado dia 1 de abril, nas rotas de médio curso da TAP, nomeadamente para Estocolmo (Suécia), Oslo (Noruega), Roma (Itália), Varsóvia (Polónia) e Viena (Áustria). Nos registos do ‘Flightradar24’ surgem também voos para Dacar (Senegal) e Ilha do Sal (Cabo Verde).

Conforme noticiámos recentemente, referindo informação revelada pelo sítio ‘Routes’ (LINK notícia relacionada), a TAP alugou três aviões a companhias búlgaras. O terceiro foi um Embraer E190 à Bulgaria Air para voos na empresa subsidiária Portugália Airlines.

Um quarto avião foi alugado, nas mesmas condições (ACMI) à companhia portuguesa Euro Atlantic Airways, noticiou mais tarde um jornal económico português. Este avião, um Boeing 767-300ER, matrícula CS-TSU, está a voar especialmente para a Guiné-Bissau e para a Cidade da Praia (ilha de Santiago, em Cabo Verde). Aproveitando a utilização de aviões de maior capacidade – as rotas eram servidas pela frota de A320 e A321 – a TAP Cargo está a desenvolver uma campanha de promoção de carga aérea nesses percursos.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Azores Airlines inicia novas rotas nacionais e internacionais no próximo mês de junho

A companhia aérea portuguesa Azores Airlines estreia, a partir...

Aumento para 45 movimentos/hora no atual Aeroporto de Lisboa requer estudo, esclarece o Governo

O aumento de capacidade do Aeroporto Humberto Delgado, em...