Fundador da EasyJet afasta-se da gestão da Fastjet

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Mês da Criança - Participe no sorteio e ganhe bilhetesA companhia africana de baixo custo Fastjet anunciou recentemente que quer adquirir todos os direitos de propriedade do Easy Group por 2,5 milhões de dólares.

O Easy Group é uma holding de prestação de serviços, fundada por Setelios Haji-Ioannou, em 1999, que estabeleceu a marca Fastjet em 2012, depois de ter criado a EasyJet em 1995.

Num comunicado emitido pela operadora, na semana passada, é realçado que as duas partes já chegaram a um acordo que, uma vez finalizado, resultará em equilíbrio económico para a Fastjet, nos próximos cinco anos.

“Este acordo representa um grande passo em frente em medida que a empresa continua a esforçar-se para estabilizar com a nova administração”, disse a empresa no documento.

“A Fastjet é uma grande marca em todos os seus mercados africanos, tornando-se um bem altamente valioso para a empresa”, afirmou o fundador e presidente executivo do Easy Group, Stelios Haji-Ioannou. “Aceitei a visão do atual conselho que acredita que a empresa deve possuir a sua própria marca. Eu sinto que concordámos com um preço justo pela sua transferência – de 2,5 milhões de dólares – um valor inferior ao que a empresa teria que pagar nos próximos cinco anos”, acrescenta.

Apesar do acordo, Setelios Haji-Ioannou ainda vai manter ações na empresa no valor de 1,3 milhões de libras esterlinas.

Além de suas operações na Tanzânia e no Zimbabué, a Fastjet diz que está “em processo de avaliação de opções para a expansão da empresa em novas áreas geográficas”.

“Essas etapas estão tendo o efeito desejado e, consequentemente, a Fastjet pretende alcançar uma posição de equilíbrio do fluxo de caixa no último trimestre de 2017”, explicou Setelios Haji-Ioannou.

Recorde-se que a Solenta Aviation Holdings adquiriu uma parte do capital da Fastjet, em janeiro de 2017, e que tem uma participação operacional em vários países africanos.

A Fastjet foi ainda distinguida, no mês passado, pelo grupo de auditorias da aviação comercial ‘Skytrax’ com o prémio de “Melhor Operador de Baixo Custo em África”, durante o ‘Paris Air Show’.

 


“Como

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

São Tomé e Príncipe bate em 2023 recorde de entrada de turistas no País com portugueses a liderar

A República Democrática de São Tomé e Príncipe superou...

ANAC e APA já deram aval a obras de melhoria no Aeroporto Humberto Delgado/Lisboa

Francisco Pita, administrador executivo da ANA – Aeroportos de...

Publicado o novo acordo de empresa dos tripulantes de cabina da TAP

O novo acordo de empresa, aprovado pelos tripulantes de...

ANA tem um mês para começar a negociar qualidade do serviço nos aeroportos portugueses

A Autoridade Nacional de Aviação Civil (ANAC) determinou à...