Grupo TUI vende companhia francesa Corsair a grupo alemão de aviação

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A TUI, que é o maior grupo de turismo do mundo, com matriz alemã, vendeu uma participação maioritária da companhia aérea francesa Corsair ao investidor alemão INTRO Aviation. A INTRO irá adquirir uma participação de 53% na Corsair como um primeiro passo. Segundo o acordo, revelado nesta segunda-feira, dia 18 de março, o grupo alemão manterá, em princípio, uma participação minoritária de 27%, enquanto o fundo de pensões dos empregados da Corsair manterá uma participação de 20 por cento.

A notícia revelada não adianta detalhes financeiros do acordo, que segundo a imprensa alemã, serão divulgados na terça-feira, dia 29 de março.

Desde há vários meses que o Grupo TUI manifestou a intenção de reorganizar o seu negócio de transporte aéreo, tal como aliás está a acontecer com a Thomas Cook, o segundo maior operador turístico mundial, de matriz britânica, que também já anunciou que estará disponível para vender algumas das suas companhias aéreas, nomeadamente a Condor, de registo alemão.

A transportadora francesa de longo curso não era capaz de produzir quaisquer efeitos de sinergia para o Grupo TUI, nomeadamente para as suas operadoras de turismo e empresas de cruzeiros, e para as cinco companhias aéreas, baseadas em países europeus, que trabalham no transporte de turistas para os destinos do catálogo de viagens da TUI e também para clientes individuais no segmento de baixo custo.

A saída da Corsair do controlo da TUI reduzirá a frota do grupo em sete aeronaves de longa distância: três Boeing 747-400, dois Airbus A330-200 e dois Airbus A330-300.

Desde a fusão e integração de sua antiga subsidiária TUI Travel no final de 2014, a TUI AG, holding do grupo, transformou-se com sucesso no principal grupo de turismo integrado do mundo, com foco em hotéis e navios de cruzeiro. A estratégia resultou na venda de várias empresas subsidiárias não essenciais e aumentou a margem de manobra do grupo para investimentos abrangentes em hotéis, navios e plataformas digitais, a fim de fortalecer seus negócios futuros.

A venda da Corsair criará perspectivas novas e sustentadas para a companhia aérea francesa e para os seus funcionários. O investidor é especializado em aviação e investimentos em empresas de aviação. Os negócios da Corsair farão parte do core business do investidor.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

TAAG duplica número de voos regulares de carga para três países africanos

No prosseguimento da sua estratégia comercial e com o...

OGMA inaugura nova linha de manutenção de motores GTF da Pratt & Whitney em Alverca

A OGMA – Indústria Aeronáutica Nacional, S.A. inaugura na...

KC-390 da FAP ganha prémio mais importante em festival internacional no Reino Unido

Um avião KC-390 Força Aérea Portuguesa (FAP) foi distinguido...