Bem-vindo, !|Sair

HTA Helicópteros ganha concurso para combate a incêndios florestais nas Canárias

A empresa portuguesa HTA Helicópteros ganhou o concurso público internacional para fornecimento de equipamentos para combate a incêndios florestais na ilha de Grã Canária, na Comunidade Autónoma das Canárias.

A HTA foi fundada em 1996 e tem sede e base operacional em Loulé no Heliporto Miguel Barros, onde se encontra a maioria da sua frota e instalações adequadas para manutenção técnica e formação de pilotos e técnicos. Tem também uma base operacional no Aeródromo Municipal de Cascais, nos arredores de Lisboa.

O concurso teve a participação de mais duas empresas espanholas, que foram afastadas por terem apresentado helicópteros com mais idade de serviço do que aquela que era exigida no concurso de habilitação, que indicava como idade máxima os 10 anos.

A HTA está já a preparar a deslocação de dois helicópteros Eurocopter AS350 e respectivos equipamentos para a ilha de Grã Canária, para onde serão deslocados três pilotos e um técnico de manutenção. Segundo as normas do concurso a empresa deverá ter mais um aparelho disponível, que entrará ao serviço no espaço de 48 horas em caso de avaria de um dos helicópteros deslocados. Tudo isso está previsto e o plano está agora em curso para que os aparelhos da HTA possam entrar em actividade no próximo mês de Maio como prevê o contrato, garantiu ao ‘NewsAvia’ uma fonte da empresa portuguesa.

O contrato é por quatro anos e segundo as normas do contrato o serviço foi adjudicado por 3,54 milhões de euros. A operação desenrola-se entre os meses de Maio e de Novembro, até ao ano de 2017, inclusive.

Desde a sua criação a HTA tem pautado a sua actuação pelo profissionalismo e competência dos seus pilotos e técnicos e também pela busca de novos mercados nas várias áreas que podem envolver helicópteros, nomeadamente Formação, Trabalho Aéreo e Transporte Aéreo não Regular, além do Serviço de Emergência Médica.

Nos últimos anos, a principal actividade da HTA era o combate a incêndios florestais em Portugal, mas devido à conjuntura e à perda de contratos, a HTA viu-se obrigada a explorar novos mercados, incluindo a Espanha. No ano passado colocou quatro dos seus helicópteros na região da Catalunha durante o Verão para o combate a incêndios florestais.

A HTA espera manter a operação na Catalunha, com os quatro aparelhos, mais a das Canárias, onde colocará outros dois aparelhos, confirmou ao ‘NewsAvia’ o piloto Paulo Melo, director de segurança da companhia portuguesa de helicópteros.

 

  • A imagem mostra parte da frota da HTA Helicópteros estacionada no Heliporto Miguel Barros, em Loulé, no Algarve

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica