Levantou voo o Airbus que tira o sono à Boeing

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img



 

Foi com uma descolagem suave e sem surpresas, a partir de Hamburgo, na Alemanha que subiu aos céus pela primeira o novo Airbus A321neo na manha do passado dia 9 de Fevereiro.
A aeronave com o registo D-AVXB, foi pilotada pelos pilotos de testes da Airbus, Martin Scheuermann e Bernardo Saez Benito Hernandez, acompanhados no cockpit por Gérard Leskerpit engenheiro de testes.
Na cabine a monitorizar toda a telemetria estava Sandra Bour Schaeffer e Emiliano Requena Esteban, também engenheiros de testes da Airbus.

O voo teve a duração de cinco horas e vinte e nove minutos, onde foram testadas variações de velocidade dos motores (altas e baixas), comportamento de sistemas de avionicos, tudo de modo a poder testar o envelope de voo do novo Airbus A321neo que promete ganhos energéticos, e de eficiência na ordem dos 20%, comparativamente aos A321 atuais.

É o maior dos Airbus de corredor único e uma das apostas mais fortes para os próximos anos que a companhia europeia faz, sobretudo na prevista e muito falada versão LR (long range) desenhada a pensar nas características ideais para a substituição dos Boeing 757 que muitos operadores que ainda voam.

Estará a Boeing a perder a corrida?

O desenvolvimento de novos modelos ou upgrades, na última década tem passado ao lado do segmento de narrow bodies (aviões de corredor único) com as capacidades do B757. Tanto a Airbus como a Boeing gastaram biliões no desenvolvimento de aeronaves wide bodies (duplo corredor) como os 787 Dreamliner, 777X ou o A350, enquanto que os modelos com menos capacidade têm sofrido ligeiras alterações ou up grades, na estética e aerodinâmica (introdução de sharklets na Airbus, e de slip scimitar nos Boeing) e em novas motorizações mais potentes e eficientes em termos de consumo.

Até agora, nenhum dos modelos anunciados foi capaz de rivalizar com B757.
O A321neo , fica agora mais perto com um alcance de 3.650 milhas náuticas (6.760 km), comparativamente com o 737-900 Max, 3.595 milhas (6.658 km).
Contudo os números ficam aquém do alcance de 3.900 milhas (7.200 km) que o 757-200ER está certificado a voar sobre água, podendo chegar até às 4.100 milhas (7.600 Km) na versão 757-200W graças a instalação de winglets pela ‘Aviation Partners Boeing’.

A versão A321LR terá um peso máximo à descolagem de 97.000 kg e será capaz de fazer mais 100 milhas náuticas, ou seja 3750 milhas, mas com mais eficiência, cerca de 27% especulam os analistas. A cabina padrão deverá ter 164 assentos em classe económica e 20 lugares em classe executiva.

Ver comparativo – A321neo e Boeing 757 – AQUI

O que significa “neo”?

A321”neo”, significa New Engine Option, já que este modelo apresenta também modificações e evoluções nos motores.
Este modelo de teste, o A321 vem equipado com os novos motores LEAP da CFM.
LEAP significa um passo à frente, e foi este compromisso que a CFM, marca que simboliza a reunião de dois gigantes da aviação a Snecma e GE, se propôs a conseguir.
Esta versão de nova geração mais potente e económica do lendário motor CFM56 que podemos ver na maioria de todos os Airbus da família A320 e Boeing 737.

LEAP-1A-inside
O LEAP-1A foi certificado em 2015 e oferece aos operadores A320, uma performance excecional em termos técnicos, económicos e ambientais, com cerca de 15% de redução em consumo de combustível e de emissões de gases poluentes, em relação ao modelo anterior (CFM56).
O LEAP-1A apresenta ainda uma redução em 50% nas emissões NOx e cumpre com os requisitos mais exigentes de abatimento de ruído (ICAO capitulo 14) aumentando a sua capacidade de operação em aeroportos com restrição de ruído.

 

LEAP-1A

Aplicações LEAP-1A: Airbus A319neo, Airbus A320neo, Airbus A321neo
Potencia Max de descolagem : 35,000 kN
Bypass ratio : 11
Diâmetro do ventilador em polegadas : 78
Número de ventiladores/estágios de compressão /baixa pressão/alta pressão : 1+3+10
Entrada em serviço– 2017

 

Fotos gentilmente cedidas pela AirbusCFM

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

TAP Air Portugal retomou rota direta entre a Venezuela e a ilha da Madeira

– Cerimónia oficial e decoração a preceito na zona...

TAP Air Portugal terá 95 voos semanais para o Brasil no mês de julho

Uma delegação da TAP Air Portugal, liderada pelo seu...

Teste de táxi aéreo elétrico pode definir novo tipo de transporte para peregrinos do Hajj, na Arábia Saudita

Num movimento histórico, a Arábia Saudita conduziu com sucesso...