Londres exige teste a todos os viajantes – British Airways diz que está instalado o caos…

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

O Governo do Reino Unido anunciou neste sábado, dia 4 de dezembro, em Londres, que todos os viajantes que pretendam desembarcar nos aeroportos britânicos, a partir da próxima terça-feira, dia 7 de dezembro, terão de ser titulares de um teste anti-covid-19 negativo, que deverá ser feito até 48 horas antes da chegada ao País.

O secretário de Estado da Saúde Sajid Javid disse que os requisitos mais rigorosos entram em vigor a partir das 04h00 UTC de terça-feira, e inserem-se num plano nacional para limitar a propagação do vírus, após a descoberta de uma nova variante em países da África Austral, e já disseminada em diversos outros países.

Atualmente, os viajantes só precisam de se auto-isolarem até que o teste seja negativo dentro de dois dias após a sua chegada.

A Nigéria será acrescentada a partir de segunda-feira, dia 6, à lista vermelha de países de onde as pessoas que chegam devem ficar em quarentena num hotel durante 10 dias.

Sajid Javid disse que a estratégia do governo desde a descoberta da variante Omnicron tinha sido “ganhar tempo” para avaliar e “pôr em prática medidas de proteção”.

“Já existem 27 casos em Inglaterra e isso está a crescer e a Nigéria está agora em segundo lugar apenas em relação à África do Sul em termos de casos ligados à variante Ómicron”.

Javid acrescentou que o governo de Londres tinha “sido claro e disse que tomaria as medidas que fossem necessárias”, acrescentando que era importante lembrar que as vacinas “são a nossa primeira linha de defesa”. Apelou também para os britânicos tomarem a  dose de reforço de uma vacina anti-covid-19 quando chamadas a fazê-lo pelo Serviço Nacional de Saúde.

Comentando o anúncio, o presidente da British Airways, Sean Doyle, disse que a mudança foi “completamente desfasada do resto do mundo, com todos os outros países a adoptarem uma abordagem ponderada com base na ciência”.

“Os nossos clientes serão agora confrontados com a incerteza e o caos e, mais uma vez, este será um golpe devastador para todos os que trabalham na indústria das viagens”, acrescentou.

 

  • Foto © Aeroporto de Londres/Heathrow

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

GOL apresenta “o mió da roça” em avião temático do Chico Bento 

Inspirada no personagem Chico Bento, a GOL Linhas Aéreas...

Centro Digital de Aviação em Portugal acelera a transformação digital e a inovação na TAP

‘Tata Consultancy Services’ estabelece um centro de excelência em...

Assembleia da República quer rever modelo de mobilidade aérea para Açores e Madeira

Os partidos PSD, BE e PAN apresentaram nesta quinta-feira,...

Emirates destaca a importância da pontualidade no aeroporto para as viagens de Verão

Numa altura em que o Aeroporto Internacional do Dubai...