Mauritania Airlines recebeu primeiro Embraer E175

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A construtora aeronáutica brasileira Embraer entregou nesta quinta-feira, dia 28 de março, o primeiro avião E175 à companhia africana Mauritania Airlines. A empresa assinou no ano passado um pedido firme com a Embraer para aquisição de dois jatos E175. O contrato tem um valor de 93,8 milhões milhões de dólares norte-americanos.

“Celebramos com a Mauritania Airlines a entrega do primeiro avião E175 para a África. Temos a certeza de que o E175 atingirá na África o mesmo sucesso alcançado em outros mercados ao redor do mundo, sendo reconhecido como a melhor aeronave do segmento de 76 assentos ”, disse Raul Villaron, vice-presidente de vendas para o Oriente Médio e África da Embraer Aviação Comercial, citado num comunicado distribuído pela fábrica em São José dos Campos, onde decorreu a cerimónia de entrega da aeronave.

O segundo aparelho do mesmo modelo será entregue no segundo trimestre de 2019. O E175 da Mauritania Airlines está configurado com 76 assentos em um confortável layout de duas classes. A introdução do E175 faz parte da modernização da frota da companhia aérea de bandeira da República Islâmica da Mauritânia, substituindo aeronaves antigas e complementando a frota de fuselagem de corredor único.

“A introdução do E175 na nossa frota permitir-nos-á adicionar mais frequências e novos destinos, melhorando a qualidade da experiência do passageiro e oferecendo maior conforto com a melhor cabina nesta categoria”, considera Mohamed Radhy Bennahi, presidente executivo da Mauritania Airlines.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

American encomenda 260 aviões à Airbus, Boeing e Embraer com mais 193 opções de compra

A American Airlines anunciou nesta segunda-feira, dia 4 de...

Portway e SINTAC assinam acordo de empresa

A Portway Handling de Portugal assinou com o SINTAC...

Portugueses viajam mais e escolhem a Madeira e Cabo Verde para as férias da Páscoa

Os portugueses estão a comprar mais viagens neste início...

JetBlue desiste da compra da Spirit, um projeto que não tinha o acordo das autoridades reguladoras

A companhia aérea norte-americana JetBlue, que foi fundada pelo...