Movimentos nos aeroportos portugueses superam resultado pré-pandemia

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

O movimento de passageiros nos aeroportos nacionais portugueses atingiu quatro milhões em fevereiro passado, mais 55,6% que no mesmo mês de 2022 e mais 8% que em fevereiro de 2020, quando ainda não havia efeitos da pandemia, anunciou nesta quinta-feira, dia 13 de abril, o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Em fevereiro deste ano, também foram movimentadas, nos aeroportos nacionais, 16.900 toneladas de carga e correio, menos 2,2% do que no mesmo mês de 2022 e menos 3,5% do que no segundo mês de 2020, quando ainda não havia efeitos da pandemia, destaca o comunicado da entidade governamental que trata os dados estatísticos em Portugal.

Em fevereiro de 2023, registou-se o desembarque médio diário de 73,6 mil passageiros nos aeroportos nacionais, valor significativamente superior, mais 54,1%, ao registado em fevereiro de 2022, quando atingiu 47,8 mil, e 13,1% acima do verificado em fevereiro de 2020 (65,1 mil), precisa o INE.

A França foi o principal país de origem e de destino dos voos, tendo a Espanha e o Reino Unido alternado entre a segunda e a terceira posições consoante país de origem ou de destino dos voos.

Em fevereiro de 2023, aterraram nos aeroportos nacionais 15.200 aeronaves em voos comerciais, mais 31,1% do que no mesmo mês de 2022 e mais 2,7% do que no segundo mês de 2020, quando ainda não havia efeitos da pandemia.

No mês em análise, 81,4% dos passageiros desembarcados nos aeroportos nacionais corresponderam a tráfego internacional, atingindo 1,7 milhões de passageiros, na maioria provenientes do continente europeu (68,6% do total), correspondendo a um aumento de 47,6% face a fevereiro de 2022.

O continente americano foi a segunda principal origem, concentrando 8,1% do total de passageiros desembarcados, refere o INE.

Em relação aos passageiros embarcados, o INE indica que 80,4% corresponderam a tráfego internacional, perfazendo um total de 1,6 milhões de passageiros, tendo como principal destino aeroportos no continente europeu (68,0% do total), registando um crescimento de 50,8% face a fevereiro de 2022.

Os aeroportos no continente americano foram o segundo principal destino dos passageiros embarcados (8,1% do total).

Por aeroportos, o INE sublinha que o de Lisboa movimentou 56,3% do total de passageiros (4,5 milhões), tendo crescido 71,1% quando comparado com igual período de 2022 e 4,5% face ao mesmo período de 2020.

O aeroporto de Faro movimentou 599 mil passageiros, tendo aumentado 59,1% face ao mesmo mês de 2022 e 9,2% face ao mesmo período de 2020.

O aeroporto do Porto concentrou 22,8% do total de passageiros movimentados e aumentou 66,4% em termos homólogos e 3,0% comparando com o mesmo período de 2020.

O aeroporto da Madeira foi o terceiro aeroporto com maior movimento de passageiros considerando os dois primeiros meses de 2023 (636,0 mil; +82,9%), superando o aeroporto de Faro.

Em relação ao volume de passageiros desembarcados e embarcados em voos internacionais entre janeiro e fevereiro de 2023, o INE indica que França foi o principal país de origem e de destino dos voos, com crescimentos de 51,3% e 52,5%, respetivamente, face a igual período de 2022, seguida por Espanha e o Reino Unido alternaram entre a segunda e a terceira posição consoante país de origem ou de destino dos voos.

A Alemanha ocupou a quarta posição e na quinta posição surgiu o Brasil como principal país de origem e Itália como principal país de destino dos voos.

No que toca à carga e correio movimentados entre janeiro e fevereiro de 2023, o INE afirma que se registou um decréscimo de 1,3% na carga e correio movimentados nos aeroportos nacionais e de 3,4% face ao mesmo período de 2020.

O movimento de mercadorias no aeroporto de Lisboa representou 73,1% do total, atingindo 24,5 mil toneladas, menos 0,8% do que no mesmo período de 2022.

No conjunto dos restantes aeroportos, o movimento de carga e correio diminuiu 2,6% e aumentou 0,1% comparando com o período de janeiro a fevereiro de 2020.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Lufthansa City Airlines arranca no dia 26 de junho com voo Munique-Birmingham

A Lufthansa City Airlines, a companhia aérea mais jovem...

Bubaque, no Arquipélago dos Bijagós, terá um novo aeroporto para tráfego regional

O Governo da República da Guiné-Bissau e a ‘Royal...

EasyJet digitaliza registo técnico de aeronaves a bordo para reduzir uso e peso de papel

  A EasyJet está a substituir os pesados registos técnicos...

Sevenair Academy vai treinar pilotos cadetes nórdicos nas suas instalações em Ponte de Sor

A Sevenair Academy, escola portuguesa de pilotos e técnicos...