Bem-vindo, !|Sair

Nacala será o maior e mais moderno aeroporto do Norte de Moçambique

O progresso físico da execução das obras de construção e modernização do futuro Aeroporto Internacional de Nacala, no Norte de Moçambique,  está avaliado até ao presente momento em 60 por cento, esperando-se que no primeiro trimestre de 2015 estejam totalmente concluídas, enquanto a sua operacionalização está prevista para o mês de Agosto do presente ano, escreve na sua edição de hoje, sábado, dia 22 de Março, o jornal diário ‘Notícias de Maputo’.

Os dados acerca da evolução da obra foram tornados público recentemente pelos gestores da Odebrechet, construtora brasileira responsável pela obra.

Os trabalhos de construção do Aeroporto Internacional de Nacala, uma antiga base militar, construída pelos portugueses no tempo da guerra colonial,  farão com que a infra-estrutura disponha de capacidade inicial para receber até 500 mil passageiros por ano.

As obras encontram-se numa fase bastante avançada, faltando apenas a conclusão do quartel de bombeiros e o terminal de carga, segundo deu a conhecer Nuno Pereira, um dos arquitectos responsáveis pela edificação do grande empreendimento, que resulta da conversão duma base aérea militar a um aeroporto civil avaliado em cerca de 144 milhões de dólares norte-americanos, e que irá ter um papel muito importante no desenvolvimento e crescimento económico do Norte de Moçambique.

As obras de reconversão da antiga Base Aérea de Nacala foram adjudicadas à empresa brasileira, que nos termos do respectivo contrato irá construir terminais de passageiros e de carga e torre de controlo e proceder à repavimentação da pista de aterragem, que ficará com 3100 metros de comprimento e capaz de receber aeronaves dos tipos Boeing 757 e 767.

Também será construído um acesso viário, parque de estacionamento de viaturas, arranjos paisagísticos, rede de energia, água, saneamento, telecomunicações públicas, para além da vedação do perímetro e portarias para o controlo de acessos.

Esta nova infra-estrutura, que vai compor o Aeroporto Internacional de Nacala, está em construção desde Setembro de 2011. Terá um total de 16 balcões de “check-in”, duas salas de embarque de passageiros, tanto para o nacional como para o internacional. Nos dias de pico o universo rondará os 1240 passageiros, totalizando cerca de 500 mil passageiros por ano.

Ainda no capítulo da sua capacidade, a nova infra-estrutura terá quatro placas de estacionamento, duas para aviões de grande porte, tipo Boeing 747, e nas duas outras placas estacionarão as aeronaves de médio porte que aterrarem e descolarem a partir daquela infra-estrutura aeroportuária.

O aeroporto ocupa uma extensão calculada em dois mil hectares. A terminal de carga terá a capacidade para manusear 4600 toneladas por ano.

Todos estes factos foram revelados por Mauro Pereira durante a visita que a governadora da província de Nampula, Cidália Chaúque, efectuou às obras daquela infra-estrutura que, segundo disse, irá virar uma placa giratória do desenvolvimento socio-económico da região austral de África.

 

  • Notícia adaptada de uma matéria publicada na manhã de sábado, dia 22 de Março, pelo jornal ‘Notícias de Maputo’
  • Na imagem que abre esta notícia publicamos uma fotografia das obras da aerogare e edifício de serviços, que foi obtida no final do ano passado.
  • As imagens seguintes mostram algumas antevisões artísticas, peças que acompanham o processo, e que têm sido divulgadas pela empresa brasileira a quem foi adjudicada a obra

 

Nacala01 Nacala02 Nacala03  Nacala08Nacala07

1 Comments

  1. Pingback: NewsAvia | Aeroporto Internacional de Nacala abrirá no 1º trimestre de 2015

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica