Bem-vindo, !|Sair

Nova fase de buscas terminada – Boeing da Malaysia não caiu no Sul do Oceano Índico

O Boeing 777-200 da Malaysia Airlines, que desapareceu no dia 8 de Março, quando voava entre Kuala Lumpur e Pequim, não se despenhou na zona do sul do Oceano Índico onde foram detectados sinais acústicos, anunciou o centro que coordena as buscas.

“Esta área pode agora ser descartada como tendo sido o local onde terminou o MH370”, refere um comunicado do Centro de Coordenação Internacional das Buscas (JACC), liderado pela Austrália.

O anúncio foi feito ontem após ter sido dada por concluída, sem resultados, a missão de busca subaquática, que arrancou no início de Abril na área do Oceano Índico onde foram detectados sinais acústicos semelhantes aos emitidos pelas caixas negras dos aviões.

A agência de coordenação informa que não foram detectados sinais de destroços do avião pelo mini-submarino, desde que o ‘Bluefin-21’, com capacidade para mergulhar até 4.500 metros de profundidade e que utiliza um sonar para criar uma imagem do fundo do mar, foi integrado nas operações de busca pelo avião.

O navio australiano ‘Ocean Shield’, que transportava o mini-submarino teleguiado, deixou a zona depois de o ‘Bluefin-21’ ter mapeado uma área de 850 quilómetros quadrados.

O avião da Malaysia Airlines, com 239 pessoas a bordo, desapareceu na madrugada do dia 8 de Março depois de descolar de Kuala Lumpur rumo a Pequim, onde deveria ter chegado cerca de seis horas depois.

 

Nova fase de buscas pode demorar até um ano

Segundo a JACC, as operações de busca vão entrar numa nova fase, envolvendo o uso de sofisticados equipamentos para mapear a área do oceano que não foi examinada, com base em todas as informações disponíveis e em análises revistas, com vista a definir uma zona de busca de até 60 quilómetros quadrados.

O navio chinês ‘Zhu Kezhen’ está actualmente a mapear as áreas do fundo oceânico, preparando a profunda busca no oceano para o qual foi contratado, a qual se deve iniciar em Agosto e levar até um ano a ser concluída, indicou a JACC, citada pela agência AFP.

 

  • O mini-submarino utilizado nas operações de busca em profundidade oceânica.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica