Nove feridos em voo da KLM de Amsterdão para Hong Kong devido a turbulência

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Recrutamento NewsAviaPelo menos nove passageiros ficaram feridos no domingo, dia 4 de junho, durante um voo da KLM de Amesterdão/Schiphol, na Holanda, para Hong Kong, na China, quando o avião atravessou uma zona de maior turbulência, anunciou nesta segunda-feira, 5 d e junho, o jornal ‘South China Morning Post’ que se publica na região administrativa especial chinesa.

O incidente verificou-se no voo KL887, da companhia holandesa KLM, e já na fase final da viagem. Novamente, tal como tem acontecido em inúmeras ocasiões anteriores, foram os passageiros que não se encontravam nos seus lugares ou que estavam com os cintos desapertados que foram projetados dentro da aeronave e outros atingidos com objetos que se soltaram das bagageiras.

Segundo um dos passageiros que seguia a bordo, o período de turbulência ocorreu logo depois de um piloto ter falado aos passageiros a indicar que estavam a iniciar o procedimento de descida e que dentro de 30 a 40 minutos estariam a pousar no Aeroporto Internacional de Hong Kong. “A partir daí parecia que íamos em queda livre” explicou o passageiro ao ‘South China Morning Post’.

A aterragem decorreu de forma normal e segura e os passageiros feridos foram logo acolhidos por equipas médicas e de socorro que se encontravam avisadas.

 

  • Foto © ‘South China Morning Post’

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Portway e SINTAC assinam acordo de empresa

A Portway Handling de Portugal assinou com o SINTAC...

Portugueses viajam mais e escolhem a Madeira e Cabo Verde para as férias da Páscoa

Os portugueses estão a comprar mais viagens neste início...

JetBlue desiste da compra da Spirit, um projeto que não tinha o acordo das autoridades reguladoras

A companhia aérea norte-americana JetBlue, que foi fundada pelo...

Pessoal de terra da Lufthansa convoca nova greve entre os dias 7 e 9 de março

O pessoal de terra do Grupo Lufthansa convocou mais...