OGMA é o primeiro centro autorizado de manutenção pesada para os E-Jets E2 na Europa

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A OGMA, empresa do Grupo Embraer, alcançou um marco histórico ao tornar-se o primeiro Centro de Manutenção Autorizado certificado pela Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) de Portugal para realizar a manutenção pesada nas aeronaves comerciais da família de E-Jets E2 na Europa, Médio Oriente e África (EMEA, na sigla em inglês), refere um comunicado de imprensa distribuído nesta terça-feira, dia 25 de outubro, pela fábrica brasileira de aviões e equipamentos de Defesa.

O anúncio foi realizado durante a conferência mundial de operadores de aviação comercial da Embraer (Embraer Operators Conference – EOC), que está a decorrer em Lisboa. Desta forma, a OGMA expande a sua atuação no segmento de negócios de aviação comercial.

Com esta certificação, a OGMA está preparada para realizar manutenção pesada, gestão total de frota, soluções de engenharia, gestão da aeronavegabilidade, manutenção de apoio, além de futuras modificações na aeronave que atendam aos requisitos solicitados pelos clientes e retrofit para as aeronaves da família de E-Jets E2. Além disso, a OGMA acaba de assinar um contrato com a companhia aérea norueguesa Wideroe para realizar a primeira manutenção de uma aeronave E2 em todo o mundo.

“A obtenção desta certificação pela OGMA é um passo estratégico muito importante para reforçar a presença da Embraer na região da EMEA e é um sinal inequívoco da aposta contínua que fazemos em Portugal enquanto parceiro tecnológico de referência na indústria aeronáutica do país”, afirma Johann Bordais, presidente e diretor-geral da ‘Embraer Serviços e Suporte’. “Estamos certos que esta certificação reforça o reconhecimento internacional da empresa na manutenção de aeronaves em aviação civil e, em particular, nos aviões E2.”

“Estamos muito satisfeitos por alcançar um marco tão importante como este, que resulta de um trabalho incansável de uma grande equipe. Ser o primeiro Centro de Manutenção Autorizado da Embraer para o E2 na região da EMEA é uma importante credencial para a OGMA em um setor tão competitivo e exigente como é o mercado internacional de aviação. Este é apenas o ponto de partida de um ciclo importante para o crescimento da empresa, com mais negócios, novos clientes e oportunidades”, disse Alexandre Solis, presidente executivo da OGMA.

A OGMA consolida a sua experiência e conhecimento na aviação civil e na manutenção de aeronaves Embraer. Desde 1998 é um Centro de Manutenção Autorizado pela Embraer para os jatos regionais ERJ 135, ERJ 140 e ERJ 145, conta com mais de 300 C-Checks efetuados, oferecendo diversos serviços. Desde 2007, a OGMA oferece apoio às aeronaves comerciais da família de E-Jets, com mais de 50 C-Checks efetuados neste tipo de aeronaves, e a capacidade para uma vasta gama de serviços de MRO. A experiência e conhecimento na manutenção da primeira geração de aeronaves comerciais da Embraer será agora colocada à serviço da família de E-Jets E2.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Presidente da SATA demitiu-se por falta de “condições” para continuar o “projeto proposto”

A Comissão de Trabalhadores da companhia aérea portuguesa Azores...

FAP terminou missão de patrulhamento no Golfo da Guiné em cooperação com países lusófonos

Os militares Força Aérea Portuguesa (FAP) da Esquadra 601...

Qatar Airways reforça Luanda que terá quatro voos semanais e alarga rede para Kinshasa

A Qatar Airways prossegue a expansão da sua rede...