Problemas eléctricos suspendem entregas de novos Boeing 737 MAX

A construtora aeroespacial norte-americana Boeing confirmou nesta quarta-feira, dia 28 de abril, a suspensão das entregas de aviões do novo modelo 737 MAX após problemas eléctricos que afetaram parte da frota e que estão a ser agora investigados por técnicos da empresa.

“A Boeing suspendeu as entregas do 737 MAX para corrigir os problemas eléctricos e espera recuperar o atraso nas entregas para o resto do ano”, disse David Calhoun, presidente executivo da construtora aos analistas numa conferência telefónica para apresentação dos resultados do primeiro trimestre deste ano.

David Calhoun disse que não podia prever quando é que este novo problema ocorrido com o Boeing 737 MAX será resolvido.

Na República Popular da China os Boeing 737 MAX ainda não retomaram os voos depois da recertificação do FAA (Administração Federal de Aviação dos EUA) e outras agências reguladoras, como a EASA, na Europa. O responsável pela fábrica norte-americana espera que as autoridades chinesas levantem as restrições na segunda metade deste ano.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica