Bem-vindo, !|Sair

Protótipo Embraer KC-390 apresenta-se em Portugal em julho

Portugal é o primeiro país fora do Brasil a receber a visita do protótipo da nova aeronave de transporte militar KC-390, que fará voos de demonstração em Évora e em Alverca, anunciou nesta quinta-feria, dia 23 de junho, o ‘Diário de Notícias’ (DN) de Lisboa.

O aparelho, em cujo projeto de desenvolvimento há uma participação significativa da indústria portuguesa, vai estar na próxima semana em Évora, onde o construtor brasileiro Embraer tem duas fábricas, e a 4 de julho, em Alverca, nas instalações da OGMA, adianta o DN.

O avião KC-390 faz uma escala em Portugal, a caminho do Reino Unido, onde vai participar na Feira Internacional de Aviação e Aeronáutica de Farnborough, em Inglaterra, que decorre de 11 a 17 de julho.

Além do Brasil, Portugal, Argentina e República Checa são os outros países envolvidos na construção do Embraer KC-390, que pelas suas características é visto como a aeronave de transporte militar que vai substituir os C-130 Hercules a nível global.

Portugal manifestou intenção de comprar seis aparelhos e, segundo fontes da Força Aérea, os testes pedidos para verificar se o KC-390 cumpre o que os projetistas e engenheiros puseram no papel têm sido executados com sucesso, refere ainda o jornal de Lisboa.

 

O KC-390 foi apresentado em outubro de 2014, em São José dos Campos, no Estado de São Paulo, onde se situa a principal fábrica da Embraer, tendo feito o voo inaugural e de início dos testes em Fevereiro de 2015. Está concebido para ser um avião militar e de apoio logístico, concebido para missões de transporte e de lançamento de pessoas e carga, reabastecimento em voo, busca e salvamento, evacuação aeromédica e combate a incêndios. Permite diversas configurações, sendo as mais destacadas a de transporte de 80 soldados de infantaria com os respetivos equipamentos individuais ou 66 paraquedistas. Como avião hospital poderá embarcar 74 macas e como de transporte de equipamentos de guerra tem capacidade para carregar três veículos blindados Humvee ou um helicóptero de combate.

Portugal está desde início envolvido neste projeto. Nas duas fábricas da Embraer, em Évora, no sul do país, são fabricados alguns componentes, nomeadamente os painéis da fuselagem central, as portas e proteções dos trens de aterragem. Há poucos dias foi publicada no ‘Diário da República’ a autorização para mais uma comparticipação do Estado Português para o projeto KC-390 no valor de 20,8 milhões de euros (até final de 2017) que eleva para 59,1 milhões de euros o investimento de Portugal neste programa do avião de transporte militar e logístico KC-390 até 59,1 milhões de euros, desde 2012.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica