Qatar Airways abre rota Doha-Luanda a 14 de dezembro com um voo semanal

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A transportadora nacional do Estado do Qatar confirmou nesta sexta-feira, dia 13 de novembro, o lançamento da sua nova rota de Doha para Luanda, na República de Angola, com um voo semanal já a partir do próximo dia 14 de dezembro.

“A frota da Qatar Airways de aviões modernos e eficientes em termos de combustível permitiu-lhe continuar a voar durante a pandemia e reconstruir de forma sustentável a sua rede, mantendo a posição de principal transportadora internacional a proporcionar uma conectividade global” destaca um comunicado distribuído pela companhia nesta sexta-feira, dia 13 de novembro.

Além da confirmação da abertura do voo para Angola, anunciado já no passado mês de outubro (LINK notícia relacionada), a Qatar Airways retomará os voos e aumentará os serviços para vários destinos nas próximas semanas, incluindo:

Argel (Argélia) – dois voos semanais a partir de 13 de novembro;

Chicago (EUA) – aumenta para nove voos semanais a partir de 15 de novembro;

Kiev (Ucrânia) – três voos semanais a partir de 18 de dezembro;

Miami (EUA) – dois voos semanais a partir de 14 de novembro

Nova Iorque (EUA) – aumento para 14 voos semanais a partir de 14 de novembro;

Phuket (Tailândia) – dois voos semanais a partir de 4 de dezembro;

Seychelles – três voos semanais a partir de 15 de dezembro;

Tbilisi (Geórgia) – um voo semanal que começou a 5 de novembro

Varsóvia (Polónia) – três voos semanais a partir de 16 de dezembro.

A juntar-se a Luanda na lista de novos destinos estará também São Francisco, na costa oeste dos EUA, com quatro voos semanais a partir de 15 de dezembro de 2020.

 

Qatar recebeu mais três aviões A350 XWB e ficou com a maior frota mundial deste modelo da Airbus

O investimento estratégico da Qatar Airways em aviões bimotores eficientes em termos de combustível, incluindo a maior frota de aviões Airbus A350, permitiu à Qatar Airways continuar a voar durante esta crise e posicionar-se na liderança da recuperação sustentável das viagens internacionais.

A companhia aérea recebeu recentemente três novos aviões Airbus A350-1000 de última geração, aumentando a sua frota total de A350 para 52 aviões, com uma idade média de apenas 2,6 anos.

Devido ao impacto da pandemia de covid-19 na procura de viagens, a Qatar Airways imobilizou a sua frota de aviões Airbus A380, uma vez que não é ambientalmente justificável operar um avião tão grande no mercado atual. A Qatar Airways também lançou recentemente um novo programa que permite aos passageiros compensar voluntariamente as emissões de carbono associadas à sua viagem no ponto de reserva.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Presidente da SATA demitiu-se por falta de “condições” para continuar o “projeto proposto”

A Comissão de Trabalhadores da companhia aérea portuguesa Azores...

FAP terminou missão de patrulhamento no Golfo da Guiné em cooperação com países lusófonos

Os militares Força Aérea Portuguesa (FAP) da Esquadra 601...

Qatar Airways reforça Luanda que terá quatro voos semanais e alarga rede para Kinshasa

A Qatar Airways prossegue a expansão da sua rede...