Bem-vindo, !|Sair

Qatar anuncia realização do voo regular mais longo da aviação comercial

 width=“750” height=

A Qatar Airways anunciou nesta segunda-feira, dia 6 de fevereiro, que a companhia viveu no passado domingo, dia 5, mais um momento histórico com a realização do voo direto mais longo da história da aviação comercial, realizado entre o Aeroporto Internacional de Doha e a cidade de Auckland, na Ilha Norte da Nova Zelândia, país da Oceânia.

O voo de cerca de 17h30 cobriu uma distância de 14.535 quilómetros, tendo o avião Boeing 777-200LR, matrícula A7-BBB da companhia do Abu Dhabi, sido recebido com um arco de água no aeroporto neozelandês. A bordo da aeronave que fez o voo inaugural viajou o presidente executivo da Qatar Airways, Akbar Al Baker, que foi saudado por diversas autoridades locais, após o desembarque. Durante a viagem o B777 da Qatar sobrevoou dez zonas horárias e cinco países. A bordo seguiram quatro pilotos e 15 tripulantes de cabina.

O novo voo Doha-Auckland (QR920) é diário e será voado com o B777-200LR com capacidade para transportar 259 passageiros (42 em Classe Executiva e 217 em Classe Económica). Serão cerca de 189.000 lugares por ano. Para se ter uma relação quantitativa da dimensão deste voo, podemos adiantar que quando o avião viaja cheio, serão servidas 1.038 refeições a bordo em cada percurso. Este novo serviço oferece ainda a possibilidade de transporte semanal de 116 toneladas de carga geral, o que pode ser uma excelente solução para o aumento da exportação de produtos lácteos neozelandeses, dos quais o país é um dos maiores exportadores mundiais, assinala um comunicado distribuído pela Qatar Airways.

Auckland foi o primeiro novo destino inaugurado pela Qatar neste ano. Em 2016, a companhia árabe juntou à sua rede 14 novos destinos: Yanbu e Tabuk, na Arábia Saudita; Dublin, na República da Irlanda; Nice, em França; Skopje, na República da Macedónia; Chiang Mai, na Tailândia; Sarajevo, na Bósnia-Herzegovina; Libreville, no Gabão; Douala, nos Camarões; Rio de Janeiro, no Brasil; Santiago do Chile; Camberra, na Austrália; Medan, na Indonésia; e Las Vegas, nos Estados Unidos da América.

O novo recorde ultrapassa o anterior que era pertença da Emirates, estabelecido em março de 2016, com o voo Dubai-Auckland, um percurso de 14.200 quilómetros.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica