Quebra nos aeroportos portugueses foi de 71,8% no terceiro trimestre

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Os aeroportos portugueses terminaram o terceiro trimestre do corrente ano, que é a época alta da aviação, com uma quebra de passageiros que atingiu 71,8%, informou a sua gestora, a empresa francesa Vinci Airports, que indica que a quebra mais forte ocorreu na cidade de Lisboa, com 76,9%.

A informação do Grupo Vinci, que integra a ANA Aeroportos de Portugal, mostra que a queda mais branda verificou-se nos aeroportos do arquipélago dos Açores (ilhas do Faial, Flores, Santa Maria e São Miguel), em 62,1%; seguindo-se o da cidade do Porto, com -64,2%; os do arquipélago da Madeira (ilhas da Madeira e Porto Santo), com -69,3%; e da cidade de Faro, no Algarve, com -70,2%.

A análise da Vinci à queda de passageiros nos aeroportos portugueses assinala que houve uma recuperação gradual ao longo do Verão com a chegada de passageiros de outros países europeus, como França, Alemanha, Suíça e Bélgica, mas que os aeroportos “sofreram” com a falta de turistas britânicos, porque o país só foi incluído por alguns dias nos “corredores aéreos” britânicos, entre finais de Agosto e princípios de Setembro.

A Vinci comenta também que o tráfego no Porto e em Faro mostrou “maior resiliência que em Lisboa”, atribuindo o pior desempenho na capital à TAP Air Portugal, que diz ter sofrido de “significativa queda nos voos de longo curso, levando a companhia nacional TAP a cortar capacidade”.

Lisboa manteve-se ainda assim o aeroporto português com mais passageiros, com 2,124 milhões, seguido pelo Porto, com 1,396 milhões; Faro/Algarve, com 1,034 milhões; Açores, com 335 mil; e Madeira, com 302 mil.

Já os dados da Vinci relativos aos primeiros nove meses do ano colocam Faro/Algarve com a queda média mais forte, com -75,4%.

Em mais nenhum caso a queda chega aos 70%, sendo de 67,3% em Lisboa, 64,6% na Madeira e 63,4% no Porto.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Pilotos da TACV – Cabo Verde Airlines marcam greve de cinco dias entre 25 e 29 de abril

O Sindicato Nacional dos Pilotos da Aviação Civil (SNPAC)...

Luís Rodrigues completa primeiro ano à frente da TAP marcado por lucro recorde

O presidente da TAP, Luís Rodrigues, completa neste domingo,...

Presidente da SATA demitiu-se por falta de “condições” para continuar o “projeto proposto”

A Comissão de Trabalhadores da companhia aérea portuguesa Azores...

FAP terminou missão de patrulhamento no Golfo da Guiné em cooperação com países lusófonos

Os militares Força Aérea Portuguesa (FAP) da Esquadra 601...