Sindicato interroga Governo dos Açores sobre impasse na SATA

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

O Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) apelou nesta quarta-feira, dia 18 de novembro, ao Governo Regional dos Açores para aprovar as medidas negociadas com a direção da SATA, com quem o sindicato tem estado a negociar nos últimos tempos.

Num comunicado divulgado em Lisboa, os sindicalistas referem: “Temos muita dificuldade em compreender que, após semanas de intensas negociações, onde fomos confrontados com a intransigência do Conselho de Administração em relação à Tripulação Tipo para o novo A330 (avião que já deveria ter iniciado a sua operação no Verão passado), ainda seja necessária a carta-branca do Secretário Regional dos Transportes para que sejam aceites as propostas apresentadas”.

O sindicato interroga-se a determinada altura do comunicado sobre quem manda na SATA quando estão em causa “assuntos muito relevantes para o futuro próximo da empresa”.

É que depois de apresentadas propostas por este sindicato, “benéficas para ambas as partes” e que “podem vir a representar uma enorme poupança acrescida de um aumento da produtividade”, e consideradas pela direção da empresa como “um excelente contributo”, mantém-se uma indefinição da posição do Governo Regional dos Açores.

“A questão fundamental”, sublinha o documento “é que estamos há semanas a aguardar pela anuência do Sr. Secretário Regional do Turismo e dos Transportes, para que o A330 inicie os seus voos e consiga ser uma mais-valia para a sustentabilidade económica da empresa”.

O comunicado do SNPVAC refere que o sindicato “tem o dever e o direito de estabelecer uma estratégia, assente em aspectos macroeconómicos, que permite que a Companhia Aérea dos Açores cresça e se desenvolva” e pede “a definição de uma estratégia”.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Mais passageiros transportados interilhas em Cabo Verde em março e abril deste ano

Os dois aviões fretados pela TACV, companhia aérea estatal...

Presidente da TAP defende que o Estado Português não deve privatizar totalmente a empresa

O presidente da TAP, Luís Rodrigues, defendeu que o...

Turbulência severa apanha B777 da Singapore Airlines e provoca um morto e 30 feridos

Um Boeing 777-300ER da Singapore Airlines enfrentou uma situação...