Suécia já dispõe de controlo de tráfego aéreo remoto

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Os aviões já podem aterrar e descolar do aeroporto de Örnsköldsvik, na Suécia, com recurso ao sistema Remote Tower Servisses (RTS), desenvolvido pela LFV e pela Saab. As duas empresas trabalharam em conjunto, nos últimos dez anos, para criar soluções tecnológicas e operacionais para o controlo de tráfego aéreo remoto. “Estamos muito orgulhosos com o programa de desenvolvimento do Remote Tower Servisses. Somos o primeiro operador do mundo a receber uma aprovação operacional e existe muito interesse de clientes na Suécia e de outros países. O RTS é um produto importante para nós e para os nossos parceiros”, disse Olle Sundin, director-geral da LFV.

SAAB--Antenna

O Remote Tower Servisses envolve câmaras e sensores colocados no aeroporto, que enviam sinais em tempo real para o centro de controlo de tráfego aéreo. Ali, as imagens e informações do tráfego e do aeroporto controlado remotamente são visualizadas em ecrãs de televisão. Graças a esta tecnologia, o tráfego aéreo pode ser controlado como se fosse a partir de uma torre de controlo tradicional. A LFV foi autorizada a operar este sistema pela Agência de Transportes da Suécia, em Outubro de 2014. O aeroporto de Örnsköldsvik é o primeiro do mundo a dispor de RTS, seguindo-se os aeroportos de Sundsvall-Timra e Linköping.

 

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Azores Airlines inicia novas rotas nacionais e internacionais no próximo mês de junho

A companhia aérea portuguesa Azores Airlines estreia, a partir...

Aumento para 45 movimentos/hora no atual Aeroporto de Lisboa requer estudo, esclarece o Governo

O aumento de capacidade do Aeroporto Humberto Delgado, em...