TAP e Condor cancelam movimentos no Aeroporto da Madeira devido ao mau tempo

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A TAP Air Portugal e a companhia alemã Condor já cancelaram nesta quinta-feira, dia 8 de fevereiro, um total de 14 movimentos (aterragens e descolagens) que estavam programados para o Aeroporto da Madeira-Cristiano Ronaldo devido à previsão de mau tempo, nomeadamente ventos fortes e chuva intensa, na zona leste da ilha da Madeira.

As duas companhias estão a seguir uma prática que já tem acontecido nos últimos tempos, que é o cancelamento total da operação, nos dias em que a previsão meteorológica ultrapassa os limites permitidos para operar no aeroporto madeirense, o que evita grandes aglomerações de passageiros nas instalações aeroportuárias, face aos inesperados cancelamentos ou à incerteza da realização dos voos.

O Aeroporto da Madeira é dos poucos aeroportos no mundo em que existem limites de operação, quando se registam determinadas velocidades de vento, e em determinados sectores da pista, e onde é mandatório, também, que as aterragens e descolagens sejam feitas unicamente pelos comandantes de voo, que devem estar habilitados com uma certificação especial, de acordo com as caraterísticas particulares do aeroporto.

Durante esta quinta-feira e, eventualmente, na sexta-feira, dia 9 de fevereiro, são esperados constrangimentos nos movimentos de aeronaves comerciais, o que poderá afetar alguns milhares de passageiros, nomeadamente a chegada de turistas que se dirigem para a Madeira para assistir às festas de Carnaval, um dos tradicionais cartazes turísticos da ilha portuguesa.

O voo da Ryanair FR385 entre Lisboa e a Madeira, que descolou na manhã desta quinta-feira (dia 8) do aeroporto da capital portuguesa pelas 10h34 divergiu para o aeroporto da ilha do Porto Santo (aterrou às 13h06), a cerca de 50 quilómetros da ilha da Madeira, depois de estar no ar 02h32m. O tempo médio do voo entre Lisboa e a Madeira é de 01h30m. O avião (Boeing 737-800, matrícula EI-GXN) e os passageiros aguardarão no Porto Santo uma eventual melhoria das condições meteorológicas na Madeira ou regressarão a Lisboa, dependendo da decisão da companhia aérea.

Notícia em desenvolvimento – 13h20 UTC

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Portway e SINTAC assinam acordo de empresa

A Portway Handling de Portugal assinou com o SINTAC...

Portugueses viajam mais e escolhem a Madeira e Cabo Verde para as férias da Páscoa

Os portugueses estão a comprar mais viagens neste início...

JetBlue desiste da compra da Spirit, um projeto que não tinha o acordo das autoridades reguladoras

A companhia aérea norte-americana JetBlue, que foi fundada pelo...

Pessoal de terra da Lufthansa convoca nova greve entre os dias 7 e 9 de março

O pessoal de terra do Grupo Lufthansa convocou mais...