TAP realiza 1º voo retro para o Canadá – Uma viagem com as cores e o glamour dos anos 70


 

A companhia portuguesa TAP deu início nesta sexta-feira, dia 14 de julho, a uma série de voos que transportarão os seus passageiros para uma viagem pelos anos 70 do século passado. Não só viajarão no avião Airbus A330-300 (CS-TOV), com o nome ‘Portugal’, que foi pintado com as cores e o lettering antigos dos ‘Transportes Aéreos Portugueses’, como também o pessoal de cabina veste-se no rigor desse tempo, com as emblemáticas fardas que foram desenhadas pelo estilista francês Louis Féraud.

O primeiro voo (TP259) partiu do Aeroporto Internacional Humberto Delgado, em Lisboa, pelas 19h40, com destino ao Aeroporto de Toronto, na província do Ontário, Canadá, uma rota que a TAP retomou neste Verão depois de um interregno de mais de duas décadas.

Trata-se de “uma experiência inédita na já longa história da companhia”. “No âmbito da celebração dos seus 72 anos de existência, a TAP convida os seus passageiros a embarcar rumo a Toronto no avião ‘Portugal’, com pintura retro, e a regressar ao glamoroso e glorioso tempo da aviação dos anos 70”, refere uma nota da empresa distribuída ao seu pessoal no boletim interno de notícias.

Para este voo, a companhia esforçou-se para que, tanto quanto possível, fossem recriados os pormenores das viagens do passado. Um ambiente retro em pleno, transportando os seus clientes, alguns deles bem recordados do glamour e exclusividade que envolviam as viagens aéreas na companhia portuguesa de bandeira.

As referências ao passado começaram, desde logo, no aeroporto, onde o check-in do voo recebeu os passageiros com a imagem icónica da TAP nos anos 70 e com a oferta de uma bolsa para cartão de embarque e etiqueta de bagagem semelhantes às que a TAP teve no passado.

Chegados a bordo, os passageiros entraram nos anos 70. A TAP foi procurar no seu museu os menus da época, onde era comum encontrar gastronomia portuguesa associada a algumas tendências de cozinha internacional. Assim, do menu consta creme de camarão e terrina de faisão, bacalhau à Zé do pipo, bife do lombo à portuguesa e parfait de banana com chocolate para a sobremesa.

A bordo deste voo para Toronto viajou um dos chefes Michelin da TAP, Miguel Laffan.

Os passageiros foram também surpreendidos com a imagem retro de alguns dos produtos servidos, designadamente a ‘Coca-Cola’ e a cerveja ‘Sagres’, que se associaram à TAP neste regresso ao passado. Também a marca de chocolates ‘Regina’ recupera a célebre caixa de furos com chocolates, que a tripulação terá disponível para os passageiros relembrarem o passado ou para os mais novos experimentarem o chamado ‘jogo dos furos’. A TAP ofereceu ainda aos seus passageiros de executiva uma versão especial do conhecido jogo ‘O Sabichão’, da Majora, com perguntas sobre a companhia aérea.

Na classe executiva, o nécessaire habitualmente oferecido aos passageiros será ainda mais especial. A TAP recuperou a sua icónica mala de tecido, oferecida nos anos 70 e colocou nela produtos da época, nomeadamente, colónia de lavanda, creme de mãos ‘Benamôr’, pasta dentífrica ‘Couto’ e um pijama.

No entretenimento a bordo, será possível encontrar filmes da década de 70 e um canal de música do mesmo período. O ‘Diário de Notícias’ de Lisboa associou-se igualmente à TAP nesta iniciativa inédita e esteve a bordo com uma edição feita especialmente para este voo e inspirada na década de 70.

A TAP pretende continuar a surpreender os passageiros que viajam neste avião retro e realizará mais voos evocativos dos anos 70, para diferentes destinos da companhia, a revelar em breve.

O voo TP259 saiu de Lisboa pelas 19h40 locais, sob o comando da comandante Rita Barbas. A chegada a Toronto está prevista para as 22h00 locais desta sexta-feira (03h00 de sábado em Lisboa).


“Como

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica