Tráfego aéreo continua a crescer nas zonas controladas pela NAV Portugal

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

O tráfego aéreo cresceu, em abril, pelo 26º mês em Portugal, ultrapassando já valores de 2019, no período pré-pandemia, adiantou a NAV Portugal, em comunicado divulgado nesta terça-feira, dia 16 de maio, em Lisboa.

“Se excetuarmos os meses de junho e julho do ano passado, onde a quebra verificada foi respetivamente de 5,4 e de 6,2% face aos mesmos meses de 2019, ano de referência para a aviação, a trajetória de crescimento ocorre desde março de 2021”, disse a empresa que gere o espaço aéreo nacional.

Assim, “em abril de 2023 o tráfego IFR (Instruments Flight Rules) na Região de Informação de Voo (RIV) de Lisboa”, que abarca Portugal continental e o Arquipélago da Madeira “totalizou 55.895 movimentos, representando um ligeiro aumento de 0,4% face aos 55.680 voos registados no mês de abril de 2019 e um acréscimo de 5,4% face a abril de 2022”, disse a NAV.

De acordo com a gestora, “em termos médios, neste mês foram controlados 1.863 voos IFR diários, registando-se um ganho de sete voos diários face a abril de 2019”.

Por sua vez, na RIV de Santa Maria, que inclui uma área do Oceano Atlântico Norte e o Arquipélago dos Açores, “o tráfego IFR em abril de 2023 ascendeu a 14.113 movimentos, traduzindo-se num acréscimo de 3,6% face aos 13.625 voos controlados no mesmo mês, mas em 2019, e um crescimento de 10% face a abril de 2022”, disse a NAV.

“Em termos médios foram controlados este mês 470 voos IFR por dia, tendo-se registado um ganho de 16 voos diários face a abril de 2019”, referiu.

No acumulado do ano até abril, na RIV de Lisboa, “comparativamente com o tráfego acumulado de 2019 verifica-se um aumento de 3.167 voos IFR, ou seja, uma evolução de mais 1,6%”, disse a NAV sendo que, em comparação com 2022 “o acréscimo ascende a 17,5%”.

Já na RIV de Santa Maria, “no tráfego acumulado até abril de 2023 comparativamente com o mesmo período em 2019 o ganho é de 2.485 voos IFR, ou seja mais 4,9%” e face aos “primeiros quatro meses de 2022 a subida é de 13,4%”.

Segundo a NAV, “apesar do pico da variante ‘omicron’ [da covid-19] no início do ano de 2022 e da invasão da Ucrânia a 24 de fevereiro, que continuam a ter enormes impactos socioeconómicos em todos os aspetos da economia europeia, incluindo a aviação, a taxa de recuperação do tráfego estabilizou para níveis mensais semelhantes aos de 2019 a partir de abril/maio de 2022”.

No ano passado, foram controlados pela NAV Portugal, “652.599 voos na RIV de Lisboa e 160.256 voos na RIV de Santa Maria, totalizando 812.855 voos”, um “valor que representa um decréscimo de 5,0% relativamente a 2019 e um aumento de 67,8% face a 2021”.

Em média, destacou, “foram controlados diariamente 2.227 voos no total das duas Regiões de Informação de Voo sob responsabilidade portuguesa e geridas pela NAV Portugal”.

  • Foto © Carlos Seabra

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Lufthansa City Airlines arranca no dia 26 de junho com voo Munique-Birmingham

A Lufthansa City Airlines, a companhia aérea mais jovem...

Bubaque, no Arquipélago dos Bijagós, terá um novo aeroporto para tráfego regional

O Governo da República da Guiné-Bissau e a ‘Royal...

EasyJet digitaliza registo técnico de aeronaves a bordo para reduzir uso e peso de papel

  A EasyJet está a substituir os pesados registos técnicos...

Sevenair Academy vai treinar pilotos cadetes nórdicos nas suas instalações em Ponte de Sor

A Sevenair Academy, escola portuguesa de pilotos e técnicos...