Bem-vindo, !|Sair

Tráfego aéreo de passageiros Portugal-Espanha cresceu 11,2% em 2015

Portugal cotou-se no ano passado como a 9ª principal origem/destino internacional de passageiros nos aeroportos espanhóis, por um aumento em 11,2% ou 326,4 mil passageiros que se concentraram em voos das companhias espanholas Air Europa, Iberia e Vueling, de acordo com os dados da AENA, gestora dos aeroportos espanhóis, recolhidos e revelados hoje pelo portal de notícias de turismo e viagens português ‘PressTUR’.

A informação mostra que no ano passado os aeroportos espanhóis tiveram 3.228.681 passageiros em voos de/para Portugal, o que permitiu entrar para o Top10 das origens/destinos, quando em 2014 tinha ficado na 11ª posição, ultrapassando a Suécia e a Noruega.

Os cálculos do ‘PressTUR’ indicam adicionalmente que o ‘grosso’ do aumento de passageiros em voos de/para Portugal deveu-se aos crescimentos das três maiores companhias espanholas – Iberia, Air Europa e Vueling –, as quais, no entanto, ainda ficaram longe de alcançarem a TAP, que transportou quase tantos passageiros quanto as três concorrentes espanholas juntas.

A TAP, que foi a única companhia a transportar mais de um milhão de passageiros em voos entre Espanha e Portugal, teve um ligeiro aumento em 2015, em 07% ou 6,8 mil passageiros, números suficientes para que fosse atingido um novo recorde anual de 1.045.036 passageiros nas rotas ibéricas.

A segunda maior companhia foi a Ryanair, com 519.820 passageiros, e também um aumento abaixo do crescimento do mercado, em 5,8% ou 28.679 passageiros, seguindo-se então as três companhias espanholas, a começar pela Iberia, com 429.888 passageiros, Air Europa, com 337.797, e Vueling, com 331.557.

A companhia que teve o maior aumento de passageiros de todo o mercado Espanha-Portugal, foi, no entanto a Air Europa, do Grupo Globalia, que teve um aumento de 149,5 mil (+79,4%), que reflete em grande medida o facto de ter passado a ter voos entre Madrid e o Porto.

A Iberia, que saiu de um período de turnaround, foi a que teve o segundo maior aumento, em 75,2 mil (+21,2%), com a particularidade de ter reconquistado à TAP a liderança do Aeroporto de Madrid.

O aumento em voos da Vueling foi em 67,3 mil passageiros (+25,5%), o que lhe permitiu aproximar-se da TAP no Aeroporto de Barcelona, sua base principal.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica