United cancela encomenda de 61 aviões Boeing 737-700

 width=“750” height=

A companhia norte-americana United Airlines decidiu anular a encomenda de 61 aviões Boeing 737-700. É uma das primeiras medidas da nova gestão liderada pelo presidente Oscar Muñoz.

As notícias divulgadas pela imprensa norte-americana indicam que a United poderá optar, dentro de alguns meses, por outra encomenda de aviões Boeing 737 MAX, nomeadamente da versão B737-9, sem contudo determinar a quantidade de aparelhos.

Os aviões que chegariam à companhia nos próximos dois anos, resultavam de encomendas da United e da Continental, antes da fusão das companhias, que somavam 65 aparelhos. No entanto quatro aeronaves serão recebidas, mas foram transformadas em Boeing 737-800.

A United explicou que neste momento a sua frota é suficiente quanto a aparelhos de médio curso, atendendo a que também já tinha feito uma outra encomenda de 99 aviões Boeing 737 MAX que começarão a chegar em 2018.

Toda a frota da companhia, para médio e longo curso, está a ser reestruturada, de forma a que a United consiga obter no horizonte de 2020 um lucro líquido de 4,8 milhões de dólares.

Será perante o desempenho do mercado e os resultados operacionais obtidos que a nova gestão da companhia deverá determinar novas aquisições.

A United Airlines trabalha com uma frota de 725 aviões Airbus e Boeing de várias versões.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica