Viracopos e Polícia Federal realizam exercício simulado de ameaça de bomba na Torre

O Aeroporto Internacional de Viracopos e a Polícia Federal do Brasil, em parceria com a Infraero, realizaram esta semana um Exercício Simulado de Ameaça de Bomba (ESAB), que durou aproximadamente cinco horas e foi realizado pela primeira vez dentro da Torre de Controlo do aeroporto. O local foi abandonado pelos funcionários de acordo com o plano de abandono previsto no treinamento, explica a concessionária do Aeroporto em nota de imprensa.

O ESAB ocorre anualmente conforme previsto na norma RBAC 111 do Programa Nacional de Segurança da Aviação Civil Contra Atos de Interferência Ilícita (PNAVSEC) e no Programa de Segurança Aeroportuária (PSA) de Viracopos.

Foi necessário acionar o grupo especializado em bombas e explosivos da Polícia Federal de Campinas, no Estado de São Paulo. Eles utilizaram um robô para transportar o suposto artefato explosivo para um local isolado e explodir o objeto. O fim do exercício foi considerado bem sucedido pelo controle de qualidade AVSEC (Segurança Contra Atos de Interferência Ilícita na Aviação), autoridades policiais e pelo aeroporto.

Durante o exercício, foi acionada também a equipa médica do aeroporto com uma ambulância, pois no decorrer do treinamento foi simulado que um dos funcionários da Torre passou mal durante o abandono do prédio. Ele precisou ser retirado em uma maca. O ESAB contou também com a colaboração da Polícia Militar, da Polícia Civil e da EMDEC, além dos Bombeiros de Viracopos.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica