A330-300 da Korean Air sai de pista no Aeroporto de Cebu (Filipinas)

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Um avião de passageiros Airbus A330-300 da Korean Air  despistou-se na noite deste domingo, dia 23 de outubro, pelas 23h07 locais (15h07 UTC) durante a aterragem no Aeroporto Internacional de Mactan, em Cebu, nas Filipinas, num quadro de condições atmosféricas bastante adversas. Esta foi a terceira tentativa de aterragem, depois de duas aproximações frustadas.

A aeronave, com a matrícula HL7525, chegou nova à Korean Air em 1998, tendo 24 anos de serviço, e operava o voo KE631 entre Seul, capital da República da Coreia do Sul, e Cebu.

Fontes aeroportuárias disseram que todos os ocupantes da aeronave – 162 passageiros, dos quais dois bebés, e 11 tripulantes – foram desembarcados através das mangas insufláveis de salvamento, e que, em princípio, não há feridos graves entre os passageiros e tripulantes. Foi montado um hospital de campanha no terminal do aeroporto que esteve a avaliar o estado de saúde dos 173 ocupantes da aeronave sinistrada, tendo alguns recebido tratamento a escoriações diversas.

Devido à saída de pista da aeronave sul-coreana, o movimento no Aeroporto Internacional de Cebu, está suspenso, tendo o tráfego sido desviado para Manila.

Segundo informações divulgadas pela imprensa das Filipinas a pista de Cebu tem 3.310 metros de extensão. O avião saiu no final da cabeceira, tendo ficado imobilizado numa zona de terra, cerca de 300 metros do final da pista depois de ter embatido nas estruturas da antena de ILS que está a ser construída no local. Quebrou o trem de aterragem dianteiro, ficando ainda com outras importantes avarias, nomeadamente a destruição da fuselagem na zona do cockpit, motores e asas.

As primeiras vistorias apontam para a perda total da aeronave. O facto feliz de não ter havido incêndio no aparelho está a ser justificado na imprensa filipina pela razão do avião estar com os depósitos praticamente vazios, depois de ter andado em espera cerca de 45 minutos e de duas aproximações frustadas, antes da terceira aterragem que decorreu muito mal. Chovia bastante e havia ventos cruzados e de grande intensidade na zona da pista no momento do acidente.

 

Imagem obtida já na manhã (início da madrugada na Europa Ocidental) desta segunda-feira, dia 24 de outubro, em Cebu, na qual são bem visíveis os estragos que sofreu o avião comercial sul-coreano, após a saída de pista. A foto foi divulgada pelo Aeroporto que noticiou que as operações continuarão suspensas nesta segunda-feira, até, pelo menos, meio da tarde.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Ryanair subiu número de passageiros e de receitas no último ano fiscal

O grupo europeu de companhias aéreas de baixo custo...

Helicóptero com o presidente do Irão caiu no noroeste do País e ainda não foi encontrado

O Governo da República Islâmica do Irão esteve reunido...

Ambientalistas da ‘Zero’ consideram que aumento da capacidade do aeroporto é risco grave para Lisboa

A associação ambientalista ‘Zero’ considera que o aumento da...