Bem-vindo, !|Sair

Aeroporto de Bruxelas retoma normalidade após greve da Aviapartner

O movimento de aviões e passageiros no Aeroporto de Bruxelas/Zaventem, o principal da Bélgica, está regressando à normalidade, depois do final da greve que foi decretada pelos sindicatos dos trabalhadores da empresa de handling e serviços aeroportuários Aviapartner.

Os trabalhadores voltaram ao trabalho nesta quarta-feira, dia 31 de outubro, e até ao final de semana, os responsáveis pelo aeroporto e pelas companhias aéreas que operam na estrutura esperam ter reencaminhado os milhares de bagagens que se encontram amontoadas em Bruxelas e regularizado o tráfego de passageiros que se encontram a aguardar transporte ou transferência das suas viagens para datas mais oportunas.

O Aeroporto de Bruxelas/Zaventem distribuiu na quarta-feira, dia 31 de outubro, um comunicado em que anuncia o acordo entre sindicatos e a administração da Aviapartner, após seis dias de greve que levaram ao cancelamento de 960 voos, que afetaram diretamente cerca de 115.000 passageiros. “Os efeitos negativos desta greve foram consideráveis se atendermos a que abrangeu um período de férias”, lamenta a administração do aeroporto da capital belga, que condena o impacto da greve entre os passageiros e utentes da estrutura aeroportuária, não obstante entender o sentido da luta dos trabalhadores.

O comunicado do Aeroporto de Bruxelas lembra, a propósito, que no passado dia 28 de outubro, entraram em efetividade as novas licenças para serviços de handling que abrangem o período de 2018-2015, e que implicam o cumprimento de uma lista de 78 parâmetros de qualidade.

Os responsáveis aeroportuários dizem que agora está defendida uma real qualidade da prestação de serviço aos utentes e aberta a possibilidade de em qualquer oportunidade ser verificado o cumprimento das normas a que estão obrigados os detentores das novas licenças.

 

  • LINK notícia relacionada

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica