Bem-vindo, !|Sair

Aeroporto de Las Vegas condicionado devido a tiroteio que matou 50 pessoas


 

Cerca de duas dúzias de aviões que deveriam ter pousado na madrugada desta segunda-feira, dia 2 de outubro, no Aeroporto Internacional de Las Vegas/McCarran, nos Estados Unidos da América, divergiram para aeroportos próximos por motivos de segurança, informaram as autoridades aeroportuárias.

A razão foi um tiroteio verificado no domingo à noite, que, segundo balanço feito pelas 11h00 UTC desta segunda-feira, provocou mais de 50 mortos e cerca de 400 feridos. O autor dos disparos colocou-se na varanda do 32º andar de um prédio que tinha vista sobre um festival de música country, e atirou indiscriminadamente contra os cerca de 22.000 assistentes. É o maior tiroteio da autoria de um único atirador da história moderna dos Estados Unidos da América

Pelo facto do local onde ocorreu esta tragédia, ser próximo do aeroporto, o movimento de aviões foi reduzido. Na manhã desta segunda-feira o tráfego ainda não estava normalizado, pois a reabertura das operações está a ser feita com alguma cautela e também está a ser demorada devido às restrições ao tráfego automóvel na cidade norte-americana do jogo e do lazer.

Durante o dia saber-se-ão novas informações sobre o movimento aeroportuário, prometeram os responsáveis pelo Aeroporto de Las Vegas/McCarran, que no ano passado recebeu 47,4 milhões de passageiros, com uma confortável média de cerca de 130.000 passageiros por dia. Qualquer interrupção reflete-se, naturalmente, no bom funcionamento da estrutura.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica