Bem-vindo, !|Sair

Avião de transporte militar russo cai na Síria – Morreram os 39 ocupantes

Evento Participativo LusoAvia - Aceda ao grupo de linkedin.Um avião de transporte militar Antonov An-26 da Força Aérea Russa caiu ao princípio da tarde desta terça-feira, dia 6 de março, a cerca de 500 metros da pista de aterragem de uma base área de Kheimin, na província de Latakia, na Síria, matando 33 passageiros e seis tripulantes, confirmou o ministro da Defesa da Rússia.

Fontes governamentais russas disseram em Moscovo que o avião tinha sofrido uma avaria grave poucos minutos antes da aterragem.

O Antonov An-26 envolvido neste acidente tinha o registo RF-92955 e fazia parte da frota deslocada na Síria que transporta pessoal das Forças Armadas Russas e reabastece as bases militares controladas pelas forças enviadas por Moscovo. É um bimotor turboélice fabricado na Ucrânia, muito utilizado nos países do Leste Europeu, antes afetos à União Soviética, para transporte de passageiros e carga.

A Rússia apoia as forças governamentais na guerra da Síria contra grupos terroristas. Em termos militares há notícia de que, nos últimos três anos, já perdeu dois aviões bombardeiros e dois helicópteros. Contudo, o acidente aéreo mais grave relacionado com a intervenção das forças militares de Moscovo na Síria ocorreu em dezembro de 2016, quando um Tupolev Tu-154 se despenhou após levantar voo do Aeroporto de Sochi, na Rússia, em direção à Síria, levando a bordo o famoso Coro Alexandrov Ensemble que iria dar um concerto de Natal para os militares deslocados, precisamente na província síria de Latakia. Morreram todos quantos seguiam a bordo – 84 passageiros e seis tripulantes.

 

  • Foto © Alexander Tarasenkov/Jetphotos.net

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica